Na manhã do dia 4 de julho, o Tiro de Guerra 07-008 de Penedo, Alagoas, foi palco de uma importante ocasião: a primeira inspeção do ano, realizada pela Organização Militar apoiadora, o 59° Batalhão de Infantaria Motorizado. Conduzindo a inspeção estavam o 2° Tenente Eudésio, chefe dos inspecionadores, e o 1° Sgt Paulo Roberto, membro da equipe de inspeção. Os militares observaram de perto o desenvolvimento dos atiradores, verificando a qualidade da instrução e o espírito vibrante dos jovens Penedenses.

O Tiro de Guerra 07-008: Sentinela da Rocheira

Conhecido como “Sentinela da Rocheira”, o Tiro de Guerra 07-008 de Penedo tem como objetivo incutir nos jovens um amor profundo pela pátria. Durante a inspeção, os inspecionadores puderam testemunhar esse amor ardente, assim como o alto nível de instrução ministrada. Ficou evidente que cada atirador tem orgulho do papel que desempenha, honrando o apelido do Tiro de Guerra e agindo como verdadeiros sentinelas da pátria.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Impressões dos Inspecionadores e Orientações Para o Futuro

A equipe de inspeção do 59° Batalhão de Infantaria Motorizado se mostrou impressionada com a dedicação e o comprometimento dos jovens atiradores de Penedo. Eles destacaram o alto nível de instrução recebida pelos atiradores, assim como a “vibração” – o entusiasmo e o espírito de equipe – dos jovens. Além de avaliar a situação atual, os militares também trouxeram conselhos e orientações importantes para o desenvolvimento contínuo dos atiradores.

Construindo o Futuro: O Legado do Tiro de Guerra de Penedo

A inspeção concluiu, reforçando a importância do Tiro de Guerra 07-008 na formação dos jovens de Penedo. Como uma verdadeira “Sentinela da Rocheira”, a instituição ensina não apenas habilidades militares, mas também valores como disciplina, comprometimento, trabalho em equipe e, acima de tudo, amor à pátria. Essa formação integral contribui para a construção de uma geração de jovens prontos para enfrentar qualquer desafio, tanto na vida militar quanto civil.

O Tiro de Guerra 07-008 continua a sua missão, formando jovens sentinelas que amam e protegem a sua pátria, reafirmando a sua relevância e excelência na formação de jovens, conforme comprovado na recente inspeção do 59° Batalhão de Infantaria Motorizado.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).