Uma das mais importantes e simbólicas efemérides da história do Brasil é celebrada nesta quinta-feira (25), quando se comemora o Dia do Soldado. Realizada em todo território nacional, a data se refere ao dia do nascimento do Marechal Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, patrono do Exército Brasileiro.

Nascido em 25 de agosto de 1803, Caxias participou de vários episódios da história brasileira. Com mais de 60 anos de serviços prestados à Pátria, atuou na contenção de revoltas no século XIX, sendo digno de receber a menção de Pacificador do Brasil.

Devido à sua vasta biografia e evidente sentimento de patriotismo, é hoje o símbolo de todos os soldados brasileiros que, diuturnamente, se dedicam à defesa da Pátria, da soberania e, não raro, a vida da população brasileira.

Seguindo os exemplos de Caxias, os soldados de hoje se preparam para atuar dentro e fora de nosso território, em missões de paz, em atividades de garantia da lei e da ordem, apoiando os órgãos de segurança pública, protegendo o meio ambiente, patrulhando as fronteiras do País e socorrendo a população, quando afetada por desastres naturais, entre outras tarefas.

Da mais simples graduação ao mais alto posto militar, os soldados não medem esforços para proteger e dar segurança a seus compatriotas, em todos os quadrantes da Nação. Superando limites impostos pelas adversidades do dia a dia, são motivo de orgulho de todos os brasileiros, que depositam a mais elevada confiança no soldado brasileiro.

Nesta quinta-feira, o Exército Brasileiro promove, no Palanque Monumental do Quartel-General do Exército – SMU, uma solenidade militar em comemoração ao Dia do Soldado. O Ministério da Defesa aproveita a ocasião para render homenagem e manifestar eterna gratidão a esses valentes verdadeiros heróis, que lutam para garantir a paz de todos e o progresso do Brasil!

Marcelo Barros, com informações do Ministério da Defesa
Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui