Niterói (RJ) – A Artilharia Divisionária da 1ª Divisão de Exército (AD/1), tradicional Grande Comando de Artilharia do Exército Brasileiro, por sua participação na II Guerra Mundial como integrante da Força Expedicionária Brasileira, participou mais uma vez em um momento marcante para a artilharia brasileira, ao realizar, no dia 15 de setembro, a entrega do Módulo 1 do Sistema de Digitalização da Artilharia de Campanha, parte do Subprograma do Sistema de Artilharia de Campanha (SAC), do Programa Estratégico do Exército Obtenção da Capacidade Operacional Plena (OCOP).

Na oportunidade, na histórica Fortaleza de Santa Cruz da Barra, foram entregues 102 módulos a 16 (dezesseis) oficiais, representantes das organizações militares de artilharia de campanha do Exército Brasileiro, além dos cursos de Artilharia da AMAN e da ESA. O evento marcou definitivamente a modernização do cálculo dos elementos do tiro da Artilharia de Campanha do país, uma das responsabilidades da AD/1 junto ao SAC.

Destaca-se, ainda, que tal evolução foi materializada pela exposição de materiais históricos de Central de Tiro do 21º Grupo de Artilharia de Campanha (GAC), com militares trajando o uniforme dos pracinhas da FEB, representando o passado da Artilharia Divisionária Cordeiro de Farias, e do SisDAC completo, apresentado por militares do 31º Grupo Escola de Artilharia de Campanha (GEsA), Unidade já detentora do sistema completo.

A atividade contou com a presença do General de Brigada Moises da Paixão Junior, Comandante da Artilharia do Exército; do General de Brigada Fabiano Lima de Carvalho, Comandante da AD/1, e do General de Brigada Emerson Alexandre Januário, Comandante Nomeado para o Comando da AD/1.

Fonte: Artilharia Divisionária da 1ª Divisão de Exército

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui