Por Soraya Brandão

Na manhã da terça-feira (01), militares do Colégio de Defesa Nacional do México foram recebidos no Ministério da Defesa. Na ocasião, a comitiva conheceu algumas das ações operacionais e estratégicas desenvolvidas pelas Forças Armadas brasileiras e pela Indústria Nacional de Defesa.

A comitiva mexicana foi recebida pelo Subchefe de Assuntos Internacionais do Ministério da Defesa, General de Brigada Himario Brandão Trinas. O Oficial-General ressaltou a importância do intercâmbio entre os países. “Essa é uma oportunidade de mostrarmos não só o trabalho que é desenvolvido no Brasil, mas também que somos um País soberano, que trabalha pela paz, pela integridade e pelo respeito entre as nações”, afirmou o Subchefe.

Para o Diretor do Colégio de Defesa Nacional do México, General Armando Gomes Mendonça, a visita foi muito proveitosa. “É um prazer conhecer o Ministério da Defesa e compartilhar as experiências e o trabalho desenvolvido pelas Forças Armadas do Brasil”, comentou.

Mexicanos_2.jpg

Programação
A comitiva mexicana ainda esteve na Base Área de Anápolis para conhecer as aeronaves KC-390 e Gripen. Nesta quarta-feira (02), a programação prevê ida ao Quartel-General do Exército, no Setor Militar Urbano, em Brasília. De lá, o grupo segue para o Rio de Janeiro, onde cumpre extensa agenda de visitas a Escolas e Organizações Militares da capital carioca. A comitiva também irá à Base de Submarinos da Marinha, em Itaguaí (RJ).

Fotos: Antonio Oliveira

Marcelo Barros, com informações do Ministério da Defesa
Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui