Nos últimos dias, Brasília se tornou o centro das atenções na área de defesa internacional, hospedando um encontro significativo entre o Brasil e a Áustria. O Diálogo das Indústrias de Defesa Brasil-Áustria, ocorrido de 15 a 18 de abril, contou com a participação de altos representantes governamentais e líderes das indústrias de defesa de ambos os países. Este evento marca um esforço conjunto para ampliar as relações e desenvolver parcerias estratégicas entre as duas nações.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Intercâmbio de Tecnologia e Oportunidades de Negócio

blank

A reunião foi liderada pelo Secretário de Produtos de Defesa, Rui Chagas Mesquita, e proporcionou um ambiente propício para a troca de informações e tecnologias, bem como a exploração de novas oportunidades de negócio. Um dos destaques do encontro foi a discussão sobre a aquisição do KC-390 Millennium por parte da Áustria, uma aeronave de transporte militar desenvolvida pela Embraer. Este acordo potencial não só reforça o papel do Brasil no mercado de defesa europeu, mas também promove a Base Industrial de Defesa (BID) brasileira.

Visitas e Reuniões Produtivas

Além das sessões de diálogo, a agenda incluiu visitas às instalações de produção da Embraer em Gavião Peixoto e São José dos Campos, onde os participantes puderam conhecer de perto a linha de montagem das aeronaves e discutir futuras colaborações tecnológicas. A comitiva também esteve no Diretoria-Geral do Material da Marinha (DGMM) e no Arsenal de Marinha no Rio de Janeiro, ampliando o escopo da cooperação para incluir a tecnologia naval.

Mais de 60 Reuniões Fomentando Parcerias

O encontro foi altamente produtivo com mais de 60 reuniões entre as empresas participantes, que foram facilitadas pela colaboração entre o Ministério da Defesa brasileiro e a Advantage Austria, representando o cluster Aeroespacial & Defesa Brasileiro. Estas reuniões visaram o desenvolvimento de novos negócios e a expansão de parcerias existentes, demonstrando o compromisso mútuo em fortalecer os laços econômicos e tecnológicos.

Declarações de Cooperação e Futuro

O Adido de Defesa da Áustria, Major-General Norbert Huber, expressou grande satisfação com os resultados do encontro, destacando-o como um passo fundamental para “melhorar, aprimorar e aprofundar” as relações entre os dois países. A expectativa é que esta nova fase de colaboração entre Brasil e Áustria desbloqueie potenciais ainda maiores para ambas as partes, especialmente no fortalecimento das suas capacidades de defesa e na geração de oportunidades econômicas.

Fotos: Moisés Machado

Marcelo Barros, com informações do Ministério da Defesa
Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).