Entre 20 e 31 de março de 2023, dois instrutores do Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB), a Major Christiane Alves de Lima e o Capitão de Corveta (Fuzileiro Naval) Lucas Ranulpho Vieira Silva, participaram do Curso Training of Trainers (ToT) sobre o Pelotão de Engajamento das Nações Unidas. O curso foi realizado no United Nations Regional Service Centre Entebbe (RSCE), em Entebbe, Uganda.

O capacitação teve como objetivo familiarizar os instrutores envolvidos na formação para Operações de Manutenção da Paz nos Estados-Membros da ONU com o novo Pacote de Reforço de Treinamento do Pelotão de Engajamento das Nações Unidas. Isso permitirá que os docentes apliquem os treinamentos sobre o tema em seus países de origem.

339519458 546069944302254 316424938540596297 n

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

O curso foi coordenado pelo Escritório de Assuntos Militares (OMA) e pelo Serviço Integrado de Treinamento da Organização das Nações Unidas (ITS), com o apoio da Iniciativa Global de Operações de Paz (GPOI) e do British Peace Support Team – Africa. No total, 23 instrutores de 11 países diferentes foram capacitados durante o curso. A participação dos instrutores brasileiros no treinamento destaca o compromisso do Brasil em contribuir para as Operações de Manutenção da Paz da ONU e fortalecer as parcerias internacionais.

Essa capacitação proporciona aos instrutores do CCOPAB conhecimentos atualizados e habilidades práticas que os ajudarão a treinar efetivamente as tropas brasileiras, bem como outras nações interessadas em contribuir para as missões de paz da ONU. Ao compartilhar e implementar essas práticas e conhecimentos, os instrutores capacitados têm a oportunidade de elevar o nível de preparo e eficácia das forças de paz nos países envolvidos, garantindo assim uma atuação mais efetiva e alinhada com os princípios e objetivos das Nações Unidas.

Essa capacitação proporciona aos instrutores do CCOPAB conhecimentos atualizados e habilidades práticas que os ajudarão a treinar efetivamente as tropas brasileiras, bem como outras nações interessadas em contribuir para as missões de paz da ONU. Ao compartilhar e implementar essas práticas e conhecimentos, os instrutores capacitados têm a oportunidade de elevar o nível de preparo e eficácia das forças de paz nos países envolvidos, garantindo assim uma atuação mais efetiva e alinhada com os princípios e objetivos das Nações Unidas.

O CCOPAB é responsável por preparar militares, policiais e civis brasileiros e de outros países para atuar em operações de paz e ajuda humanitária, tanto nacional quanto internacionalmente. A participação em cursos como o ToT é fundamental para aprimorar a capacidade do Centro e garantir que seus instrutores estejam atualizados com as melhores práticas e padrões internacionais.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).