Membros da II Reunião do Grupo de Trabalho entre a Marinha do Brasil e a Marinha Nacional de Camarões

Foi realizada, no período de 30 de agosto a 1º de setembro, no Rio de Janeiro, a II Reunião do Grupo de Trabalho entre a Marinha do Brasil (MB) e a Marinha Nacional de Camarões (MNC), o GT-BRACAM/2022.

A reunião originou-se do Memorando de Entendimentos (MoU) entre a MB e a MNC, assinado em agosto de 2018. Esta edição teve como principais temas de cooperação a formação de militares da MNC nas Instituições de Ensino da MB; apoio da MB a Sistemas de Tráfego Marítimo para ampliação da Consciência Situacional Marítima da MNC; embarques de observadores em exercícios operativos; realização de exercícios navais combinados, no Golfo da Guiné; e isenção de encargos portuários nas visitas dos navios aos respectivos países aos portos de Camarões e nas bases navais no Brasil.

A Delegação da MB contou com oficiais do EMA e do Comando de Operações Marítimas e Proteção da Amazônia Azul. Como atividades extras, a delegação da MNC visitou a Escola Naval (EN), o Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), o Centro de Adestramento Almirante Marques de Leão, a Base Naval do Rio de Janeiro e o Navio de Desembarque de Carros de Combate “Almirante Saboia”, e tiveram a oportunidade de se reunir com os 20 militares camaroneses que estão realizando cursos na EN e no CIAW.

A reunião ocorreu em um momento em que a MNC enviou um Grupo-Tarefa, composto pelos Navios-Patrulha LE NTEM e LA SANAGA, para participar das comemorações do Bicentenário da Independência do Brasil e da Operação UNITAS LXIII. Deve-se destacar que esta foi a primeira travessia transatlântica da África para o Brasil, iniciada em 12 de agosto, realizada por meios navais da MNC, tendo sido enaltecida pelos especialistas navais internacionais como uma demonstração da evolução da capacidade operacional daquela Marinha. Os navios deslocam cerca de 500 toneladas, têm 63,5 metros de comprimento e possuem tripulação composta por 25 militares.

Marcelo Barros, com informações e imagens da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui