blank

Google News

Coordenada pelo Ministério da Defesa e conduzida pela Marinha, foi iniciada, nessa segunda-feira (4), a Operação Poseidon, com a participação de 900 militares. A ação, que ocorre até o dia 9, é realizada na área marítima compreendida entre as cidades do Rio de Janeiro e de Cabo Frio e visa aprimorar o emprego das três Forças Armadas em pousos e decolagens, a partir de embarcação em movimento no mar. Os meios envolvidos são o Navio Doca Multipropósito (NDM) Bahia, a Fragata Independência e as aeronaves AH-11B Super Lynx e UH-15 Super Cougar, da Marinha; a aeronave HM-4 Jaguar, do Exército; e a aeronave H-36 Caracal, da FAB. O treinamento permite às Forças assegurar a capacidade de defesa nacional.

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

Operação Poseidon - Marinha Destaque.jpg

A condução do exercício viabiliza maior nível de interoperabilidade entre as Forças Singulares, além de padronizar procedimentos operacionais e qualificar pilotos das Forças Terrestre e Aérea para pousos a bordo do NDM Bahia. Entre as atividades, serão realizados: salto livre operacional, por militares de operações especiais; evacuação aeromédica (EVAM); e pick-up – atividade por meio da qual acontece a EVAM.

Com informações e foto do Centro de Comunicação Social da Marinha