O Ministro da Defesa, José Mucio Monteiro Filho, recebeu uma visita de cortesia de uma comitiva da Agência da ONU para Refugiados (ACNUR) no Brasil na última quarta-feira (15). Também participaram da reunião o Chefe de Assuntos Estratégicos (CAE), Tenente-Brigadeiro Hudson Costa Potiguara, e o Subchefe de Assuntos Internacionais (SCAI), Brigadeiro Marcelo Lobão Schiavo.

blank

Durante o encontro, na sede do Ministério, o representante da ACNUR, Davide Torzilli, elogiou o trabalho realizado na Operação Acolhida. Essa ação do Governo Federal garante o atendimento humanitário aos migrantes venezuelanos e conta com apoio logístico das Forças Armadas (FA).

Atualmente, aproximadamente 540 militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica atuam no atendimento dos venezuelanos que chegam ao país. São sete abrigos que recebem cerca de 8 mil pessoas. Durante o encontro, foram discutidos assuntos relacionados ao movimento migratório, parcerias e projetos futuros.

Marcelo Barros, com informações do Ministério da Defesa
Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).