Cerimônia a bordo do Navio de Apoio Oceânico "Iguatemi"

No dia 21 de julho, o Comando do 4º Distrito Naval realizou a Cerimônia em Memória aos Mortos da Marinha em Guerra, a bordo dos Navios subordinados ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Norte, na Base Naval de Val de Cães, em Belém (PA). A data faz alusão ao afundamento da Corveta “Camaquã”, que naufragou, em 1944, durante tormenta no litoral pernambucano, deixando 33 mortos.

Solenidades nos Navios

imagem 2023 07 26 054212151
Cerimônia a bordo do Navio-Patrulha “Guanabara”

Foram realizadas solenidades nos conveses do Navio-Auxiliar “Pará”, o Capitânia do Grupamento, além do Navio de Apoio Oceânico “Iguatemi” e Navios-Patrulha “Bracuí”, “Bocaina” e “Guanabara”. As tripulações ouviram a Ordem do Dia, com as palavras do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Marcos Sampaio Olsen.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A Importância da Memória

“Rememorar a história proporciona oportunidade de compreender o presente e estabelecer diretrizes em busca da construção de futuro próspero (…). Dia em que a Força Naval reverencia a memória daqueles que se dedicaram inteiramente ao serviço da Pátria, fundamental a sociedade refletir sobre a atuação de bravos marinheiros, que, no curso da história brasileira, tombaram nos conveses dos navios das Marinhas de Guerra e Mercante”, afirmava o Comandante da Força em sua mensagem.

Homenagem aos Marinheiros do Navio Mercante “Pelotasloide”

No dia 4 de julho, a Marinha do Brasil prestou homenagem aos cinco marinheiros do Navio Mercante “Pelotasloide”, mortos durante um ataque do submarino alemão U-590, na Segunda Guerra Mundial, em 4 de julho de 1943, em Salinas, na costa do Pará. A tripulação do Navio-Patrulha “Bocaina” lançou uma coroa de flores ao mar, na posição do naufrágio, ocorrido há exatos 80 anos.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).