O Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) de São José dos Campos realizou no dia 06 de março sua tradicional Aula Magna, marcando oficialmente o início do ano letivo. A cerimônia contou com a presença de autoridades civis e militares, membros do efetivo do ITA e alunos do primeiro ano da graduação. Pela primeira vez na história do ITA, uma mulher foi convidada para ser a palestrante da Aula Magna. A presidente do Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT) e membro do Conselho Superior da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP), Professora Doutora Liedi Legi Bariani Bernucci, falou sobre a importância da Engenharia para o futuro do Brasil e a necessidade deste caminho ser trilhado o quanto antes, ainda no presente.

blank

Durante a apresentação, a Doutora Liedi Bernucci destacou que a Engenharia pode ser protagonista na criação de uma sociedade mais sustentável, com novas tecnologias, materiais e processos para enfrentar os desafios complexos que a humanidade e o planeta apresentam. O Tenente-Brigadeiro do Ar Maurício Augusto Silveira de Medeiros, Diretor-Geral do DCTA, parabenizou a condução da Aula Magna e se dirigiu aos novos alunos do ITA, afirmando que a soma de seus talentos é o que os levará a encontrar as melhores soluções para o desenvolvimento do Brasil.

Além da palestra, a cerimônia premiou formandos de graduação e pós-graduação que se destacaram no ano letivo de 2022, entre eles a Engenheira de Computação Ana Paula Lopes Schuch, que recebeu o prêmio de Honra ao Mérito do Ministério da Defesa e o Prêmio Força Aérea Brasileira por ter obtido o melhor desempenho entre todos os estudantes do último ano. Empresas como Litoral Engenharia e Desenvolvimento, Business Propulsion LAB, Embraer, Boeing e a Fundação Casimiro Montenegro Filho também participaram da cerimônia, agraciando formandos de destaque.

Além de marcar o início do ano letivo do ITA, a Aula Magna teve um marco positivo na semana de comemoração do Dia Internacional da Mulher, com a primeira mulher palestrante na história do Instituto. A primeira turma de alunas do ITA chegou em 1996 e, desde então, o efetivo feminino tem marcado uma presença cada vez maior. A Força Aérea Brasileira conta com mais de 40 anos de presença feminina, com mulheres exercendo diversas funções em prol da nação.

Marcelo Barros, com informações da Agência Força Aérea
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).