Recife (PE) – Profissionais de imprensa e acadêmicos de diferentes instituições de ensino superior participaram, no período de 5 a 8 de julho, da edição 2022 do Programa Conheça seu Exército, em Recife, promovido pelo Comando Militar do Nordeste (CMNE).

No primeiro dia de programação, o grupo conheceu as origens históricas do Exército. aprendeu sobre sua presença na Região Nordeste e recebeu informações sobre as principais formas de ingresso na Instituição. Na visita ao Centro de Coordenação de Operações da 7ª Divisão de Exército, também foram abordados o preparo e o emprego das tropas subordinadas ao Comando Militar do Nordeste e a metodologia de gerenciamento de situações de crise. Na visita guiada ao Museu Militar Forte do Brum (MMFB), os visitantes conheceram o Projeto Memória Militar – Origens do Exército e a gênese da nacionalidade brasileira, incluindo a ligação histórica de Pernambuco com a Pátria.

No dia 6 de julho, os jovens seguiram para o Parque Histórico Nacional Guararapes (PHNG), onde, diante do Mirante Henrique Dias, foi realizada uma explanação sobre as Batalhas de Guararapes, marco da nacionalidade brasileira em solo pernambucano, que ocorreram naquele sítio histórico. Em seguida, compareceram a uma exposição de material de emprego militar (MEM) e uma demonstração com uma bateria de obuses, conduzidas pelo o 7º Grupo de Artilharia de Campanha (7º GAC). Finalizando a visita ao Parque Histórico, os integrantes do PCSEx visitaram a Igreja Nossa Senhora dos Prazeres.

No Centro de Preparação de Oficiais da Reserva do Recife (CPOR/R), eles presenciaram atividade com a tropa em forma e receberam uma apresentação sobre os diversos cursos de formação de oficiais. Também receberam uma instrução sobre a utilização da ração operacional R-2, adquirindo os conhecimentos necessários ao dia seguinte, no 14º Batalhão de Infantaria Motorizado (14º BI Mtz), quando prepararam e consumiram a ração operacional R-2.

Nesse batalhão, no terceiro dia de atividades, os participantes assistiram a uma demonstração da pista de pentatlo militar e integraram uma pista de orientação, com auxílio de bússola e carta topográfica. Eles assistiram, ainda, a uma apresentação do 4º Batalhão de Polícia do Exército (4° BPE), conheceram o seu espaço cultural e a estrutura operacional da organização militar. Também visitaram as instalações e participaram de uma instrução na Seção de Cães de Guerra; e acompanharam a apresentação do Pelotão de Motociclistas Militares e uma formatura da tropa. Na sequência, tiveram contato com o armamento menos que letal e observaram uma demonstração de controle de distúrbios. Ao final, o grupo foi brindado com noções de defesa pessoal, que podem ser úteis em situações de risco.

Por fim, no dia 8 de julho, no 10º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado (10ª Esqd C Mec), os participantes conheceram a viatura blindada de transporte de pessoal Guarani, um dos mais modernos carros de combate do Exército Brasileiro. Finalizando a atividade, eles se deslocaram de volta às instalações do CMNE dentro do Guarani, coroando, dessa forma, uma semana de novas experiências e conhecimentos militares.

Por ocasião do encerramento, os participantes receberam diplomas de conclusão do estágio do Comandante Militar do Nordeste (CMNE), General de Exército Richard, que destacou a importância do Projeto para integração das Forças Armadas com a parte civil da sociedade brasileira, divulgando ações do Comando Militar do Nordeste no cenário regional, além de apresentar os desafios do cotidiano vivido pelos militares e seus dependentes, com destaque para as peculiaridades da profissão militar.

Fonte: CMNE

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui