A teoria do Heartland e a teoria do Rimland são duas abordagens diferentes para entender as dinâmicas de poder e influência em escala global. Ambas as teorias foram desenvolvidas por geopolíticos, que estudam como as geografias políticas, econômicas e militares influenciam o poder e a influência dos estados no cenário internacional.

A teoria do Heartland foi desenvolvida pelo geopolítico alemão Karl Haushofer no século XX. Ela afirma que o “coração” da Europa, ou seja, a região central da Europa, é o lugar mais importante do mundo para o poder e a influência. Haushofer argumentou que a posição geográfica privilegiada do Heartland, no centro da Europa, o tornava o ponto central do mundo e o permitia controlar os mares e as rotas de comércio.

A teoria do Rimland, por sua vez, foi desenvolvida pelo geopolítico Nicholas Spykman no mesmo período. Ela afirma que o “rim” do mundo, ou seja, a região que circunda os oceanos, é mais importante do que o Heartland para o poder e a influência. Spykman argumentou que a posição geográfica privilegiada do Rimland, no litoral, o tornava o ponto central do mundo e o permitia controlar os mares e as rotas de comércio.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Ambas as teorias têm sido amplamente discutidas e debatidas por geopolíticos e outros estudiosos de relações internacionais. Enquanto alguns argumentam que a teoria do Heartland é mais relevante hoje em dia, outros argumentam que a teoria do Rimland é mais apropriada para entender as dinâmicas de poder e influência no mundo atual.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).