Rio de Janeiro (RJ) – No período de 8 a 12 de agosto, o Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil (CCOPAB) conduziu as Instruções de Preparação para Comandantes de Subunidade e Pelotão (IPCOSUPEL), para tropas colocadas à disposição do Sistema de Prontidão de Capacidades de Manutenção da Paz das Nações Unidas (UNPCRS, em inglês), com objetivo de capacitar este público no conteúdo dos Módulos de Treinamento de Pré-desdobramento para missões de paz (CPTM, em inglês), com ênfase no emprego e funções exercidas pelo Batalhão de Infantaria de Força de Paz e pela Companhia de Reação Rápida (Quick Reaction Force – QRF).

Além da Equipe de Instrução do CCOPAB, a semana de instruções contou com a presença do General de Brigada Flávio dos Santos Lajoia Garcia, Chefe de Missões de Paz, Aviação / Inspetor Geral das Polícias Militares, do Comando de Operações Terrestres (COTER), que acompanhou as atividades práticas realizadas no dia 11 de agosto, além das presenças do Tenente-Coronel André Ricardo Lessa Pereira. Comandante do 6° Batalhão de Infantaria Leve e do Major Emerson Guimarães Fontoura, do 51° Batalhão de Infantaria de Selva, comandantes das unidades que estavam sendo capacitadas.

Participaram desta edição das IPCOSUPEL, 35 instruendos, oriundos da 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel) e da 23ª Brigada de Infantaria de Selva, que compõem as Forças de Prontidão Operacional (FORPRON), no âmbito do Sistema de Prontidão Operacional (SISPRON), um moderno instrumento do Exército Brasileiro que tem por finalidade aumentar a capacidade da pronta resposta da Força Terrestre.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Fonte: Centro Conjunto de Operações de Paz do Brasil

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).