Google News

Três homens foram presos depois de duas horas de perseguição em alto mar na Ilha de Alcatrazes, no Litoral Norte de São Paulo, nesta quarta-feira (19). De acordo com a Marinha, o grupo fazia pesca ilegal na região, que é considerada de preservação. O grupo foi autuado por crime ambiental pela Polícia Federal e multado em R$ 90 mil.

De acordo com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) eles faziam a pesca no local, quando foram flagrados por uma equipe do instituto. Ao verem os agentes, eles tentaram fugir por mar.

Durante a perseguição, o trio arremessou equipamentos e itens de pesca ao mar, mas parte foi recuperada pelo ICMBio. A perseguição durou cerca de duas horas e o grupo só parou por falra de combustível na embarcação.

Os três foram encaminhado à delegacia da Polícia Federal de São Sebastião e permaneciam detidos até a publicação.

Além do crime federal, a Delegacia da Capitania dos Portos também notificou o proprietário da embarcação pela falta de documentação, identificação e equipamentos de segurança. O barco também não possuía licença para navegar em mar aberto.

Ao todo, o grupo foi multado em R$ 90 mil pela pesca em área de preservação, poluição ambiental e por dificultar a fiscalização.

Fonte: G1

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui