Resende (RJ) – A Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) realizou no último sábado, dia 4 de fevereiro, a cerimônia de entrada dos novos Cadetes pelo Portão Monumental.

Neste ano, ingressaram na AMAN 422 novos cadetes da turma General Rodrigo Otávio, sendo 372 do segmento masculino e 37 do feminino, oriundos da Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx), de Campinas-SP, e 13 Cadetes de Nações Amigas.

Os Cadetes representam as cinco regiões do Brasil, sendo 212 da região Sudeste; 81 do Nordeste; 70 do Sul; 33 do Centro-Oeste; e 12 do Norte. Já os cadetes estrangeiros representam os seguintes países: um Cadete da Bolívia; dois da Namíbia; dois do Panamá; um do Paraguai; dois de São Tomé e Príncipe; três do Senegal, dois do Vietnã  e um do Peru.

O Comandante da AMAN, General de Brigada João Felipe Dias Alves dirigiu a palavra a todos os presentes, enaltecendo a importância do momento para os novos cadetes. “Aqui na Academia, vocês terão professores, monitores e instrutores preparados, dedicados e selecionados entre os melhores de suas turmas, para poderem liderá-los e conduzi-los em sua formação. A partir de agora, vocês passarão a integrar o Corpo de Cadetes, e conviver com os mais antigos, que também venceram os mesmos desafios que vocês. Os dias aqui na AMAN não serão fáceis, vocês enfrentarão um itinerário formativo complexo para crescimento cognitivo, mas, acima de tudo, desenvolverão atitudes e  habilidades e adquirirão as experiências necessárias para liderar seus homens e mulheres no futuro”, afirmou o Comandante da Academia em seu discurso.

Realizada desde 1944, a solenidade é iniciada pela abertura dos portões pelo Comandante da AMAN e pelo cadete mais novo da turma. Este ano, esta honrosa missão coube à Cadete Débora Caetano da Silva, de 18 anos, nascida em Recife.

“Serão dias de muito aprendizado dentro dessa Casa de Valores. Será muito diferente do que vivemos na EsPCEx, mas cresceremos nessa irmandade”, disse a Cadete Da Silva, de Recife.

O Cadete Kelwin David, oriundo de Resende, relatou que espera por dias que serão de muito aprendizado. “Estou muito feliz pela oportunidade. Sou filho de Praça do Exército, e darei o meu melhor nesses próximos anos de formação na Academia Militar das Agulhas Negras”.

Acompanharam a cerimônia diversas autoridades, destacando-se o Comandante da 10ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada André Luiz Aguiar Ribeiro; o Comandante da Escola de Sargentos das Armas, General de Brigada Reinaldo Salgado Beato; o Comandante da AMAN, General de Brigada João Felipe Dias Alves; o General de Brigada Eugênio Pacelli Vieira Mota; o Comandante da EsPCEx, Coronel Marcus Augusto Bastos Neuvald; e o Prefeito de Resende, Diogo Gonçalves Balieiro Diniz, além de familiares dos novos cadetes.

Fonte: Academia Militar das Agulhas Negras

Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).