Desde que as fortes chuvas começaram a atingir cidades pernambucanas, em especial Jaboatão dos Guararapes, as Forças Armadas foram acionadas para prestar apoio à população afetada, integrando o Gabinete de Crise do Governo do Estado de Pernambuco. Ainda no sábado (28), a Marinha do Brasil (MB) iniciou um trabalho de resgate de vítimas ilhadas no município.

blank

Seguindo determinação do Presidente da República, Jair Bolsonaro, o Ministério da Defesa (MD) reforçou a atuação das Forças Armadas na região. Como parte dos esforços coordenados pelo MD, a MB atuou no resgate de moradores da Comunidade Lagoa Olho D´Água, em Candeias (PE), desabrigados por conta das fortes chuvas. Além dos resgates, militares da Marinha também atuaram na distribuição de alimentos e água mineral à população ilhada.

Desde ontem (31/05), a Marinha abriu outras três frentes de atuação: o auxílio ao Corpo de Bombeiros no resgate de moradores atingidos pelos deslizamentos de terra na Comunidade dos Milagres; o apoio à Defesa Civil na instalação de lonas de proteção em áreas de risco na Comunidade de Lagoa Encantada; e a distribuição de cestas básicas à população carente, em apoio à Prefeitura, no Terminal Marítimo de Passageiros de Recife.

A MB atua nessas quatro frentes com cerca de 150 militares, 12 viaturas e 6 embarcações. Esse quantitativo foi alcançado com o deslocamento de pessoal e material a partir de Natal (RN) e João Pessoa (PB). A partir de amanhã (1º), um Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais que estava realizando uma Operação com a Marinha Francesa em Fortaleza (CE), com aproximadamente 100 militares e 9 viaturas operativas (incluindo três Carros Lagarta Anfíbios – CLANF), se deslocará para Pernambuco, a fim de apoiar as ações emergenciais.

Também foi iniciada uma campanha de doação de alimentos e roupas para atender à população atingida, que já arrecadou, até o momento, cerca de 500 quilos de material, que já estão sendo distribuídos.

As doações podem ser entregues nos seguintes endereços:

Capitania dos Portos de Pernambuco
Rua de São José, 25, Recife Antigo – PE
Escola de Aprendizes-Marinheiros de Pernambuco
Avenida Olinda Dom Helder Câmara,  Salgadinho, Olinda – PE.
Marcelo Barros, com informações e imagens da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui