Google News

No contexto das Operações Ágata e Verde Brasil 2, o Comando Conjunto Norte (CCjN) realizou patrulhamento na faixa de fronteira entre o Brasil e o Suriname. A ação foi desenvolvida por militares da 22ª Brigada de Infantaria de Selva e do 1°Pelotão Especial de Fronteira do Comando de Fronteira Amapá- 34º Batalhão de Infantaria de Selva, entre 9 e 10 de fevereiro.

ÁGATA.jpg

Além de resguardar a soberania nacional, a missão tem por finalidade coibir a ocorrência de ilícitos transfronteiriços e ambientais em região de difícil acesso no interior do Parque Indígena Tumucumaque. O deslocamento até a linha de fronteira foi feito pelo Rio Paru de Oeste e, na sequência, a pé.
ÁGATA 2.jpg

A atuação das Forças Armadas, por meio da Operação Ágata, tem o intuito de intensificar a presença do Estado na faixa de fronteira e a integração com outros órgãos federais, estaduais e municipais.

Com informações e fotos do Comando Conjunto Norte

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui