Na era em que a tecnologia se torna cada vez mais uma aliada fundamental na gestão da segurança pública, a Atech, uma empresa do Grupo Embraer, destaca-se ao levar sua expertise em Gerenciamento de Incidentes ao II Drone Policial – Seminário de Boas Práticas com Drones na Segurança Pública. O evento, que ocorrerá em Foz do Iguaçu, reunirá forças de segurança do Brasil e de outros oito países, marcando um momento significativo para o debate e a troca de experiências na área.

A importância dos drones na segurança pública

O uso de drones tem se mostrado uma ferramenta valiosa para as forças de segurança, oferecendo uma nova perspectiva e capacidades ampliadas em diversas operações. No entanto, para extrair o máximo potencial desses equipamentos, é fundamental a integração com sistemas inteligentes de gestão. É nesse cenário que a Atech, com seu Sistema de Gerenciamento de Incidentes (GDI), entra em cena, demonstrando durante o seminário como essa tecnologia pode ser aplicada em situações reais, desde o monitoramento de áreas sensíveis até operações de busca e salvamento.

Integração de tecnologias e a inovação da Atech

A Atech se destaca no desenvolvimento de soluções tecnológicas avançadas para a segurança pública, utilizando recursos como IoT, georreferenciamento (GIS) e computação em nuvem. Seu sistema GDI, parte da família de produtos Arkhe Governance, promove a integração de dados coletados por drones, como localização, telemetria e imagens, oferecendo uma visão completa do teatro de operações. A interoperabilidade com dispositivos variados, incluindo bodycams e viaturas, reforça a flexibilidade e a eficácia desse sistema.

Capacitação e compartilhamento de conhecimento

Além da demonstração tecnológica, o seminário será uma oportunidade para profissionais da segurança pública aprofundarem seus conhecimentos sobre o uso de drones em suas áreas de atuação. Workshops e palestras complementarão a programação, abordando desde técnicas de combate em ambientes confinados (CQB) até o cumprimento de mandados de prisão com o auxílio de drones.

Compromisso com a inovação e a segurança

O engajamento da Atech no II Drone Policial evidencia seu compromisso com a inovação constante e com o fornecimento de soluções que atendam às crescentes demandas da segurança pública. Segundo Cláudio Nascimento, gerente comercial da Atech, o sistema não apenas eleva o nível das operações de segurança como também salva vidas, graças à sua capacidade de oferecer respostas rápidas e assertivas.

Este evento sublinha o potencial transformador dos drones na segurança pública, especialmente quando aliados a sistemas de gerenciamento eficientes e inovadores como o da Atech. A troca de experiências e conhecimentos entre os participantes, provenientes de diversos países, reforça a importância da colaboração internacional na busca por uma segurança mais efetiva e adaptada às necessidades contemporâneas.

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).