Curso EAD Economia de Defesa tem grande adesão

blank

A Secretaria de Produtos de Defesa (SEPROD) do Ministério da Defesa iniciou, esta semana, o Curso EAD de Economia de Defesa. O lançamento da capacitação, fruto de parceria entre a Defesa e a Confederação Nacional da Indústria (CNI), reveste-se de caráter histórico, por alinhar duas instituições que têm o propósito de alavancar a Base Industrial de Defesa (BID).

O curso capacita o aluno em Economia de Defesa e tudo o que o tema engloba: desde a atuação da Secretaria de Produtos de Defesa até a exportação dos produtos, serviços e tecnologias do setor.

A Economia de Defesa trata de diversos elementos que tem por proposito assegurar à nação soberania e competitividade no cenário internacional. Para a consecução desses objetivos, são necessários investimentos em pesquisa, inovação, tecnologia, desenvolvimento e produção. Nesse sentido, a comercialização de produtos de defesa está relacionada a itens e equipamentos de proteção bélica e de segurança nacional, como armamentos, munições e meios de transporte.

A oferta da capacitação reforça o compromisso da SEPROD em atuar, com gestão de inciativas estratégicas, na capacitação e na evolução da BID. A primeira turma do curso recebeu mais de 800 inscrições. Devido à grande procura, há previsão de lançamento de outra turma EAD, na segunda quinzena de maio.

Por Arthur Diniz
Foto: Reprodução

Centro de Comunicação Social da Defesa (CCOMSOD)

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui