blank
Maquinário foi destruído — Foto: Polícia Federal

Google News

A Polícia Federal, em parceria com o Ibama e a Funai, atuou no combate a extração ilegal de minérios, na Terra Indígena Sararé, Garimpo “Babalu” e Cooper Pontes, na região de Pontes e Lacerda, a 443 km de Cuiabá, na Operação Alfeu III.

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

Os agentes, obtiveram êxito em localizar 6 escavadeiras hidráulicas, todas foram destruídas. O garimpo voltou a acontecer na região, muitos voltaram mesmo depois da 1ª e 2ª fase da operação ter destruído os equipamentos na região.

No entanto através de imagens de satélite a PF constatou que a região continua a ser degradada, necessitando assim, nova intervenção policial no local.

A ação de encerramento da atividade garimpeira, somente foi possível, pela integração dos órgãos de fiscalização e repressão.

O Ibama usou o poder de fiscalização para permitir a atuação das forças policiais em toda a extensão do garimpo, e a Funai realizou um levantamento prévio com a utilização de drones, que possibilitou a localização das máquinas utilizadas na atividade garimpeira.

A Polícia Federal e os demais órgãos envolvidos estão imbuídos na desativação e encerramento da atividade garimpeira proveniente de exploração ilegal.

Fonte: G1