blank

Google News

Maior exercício multifuncional de operações de paz do mundo, o Exercício Viking 22 recebeu, no dia 5 de abril, a visita do Ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, do Comandante do Exército Brasileiro, General de Exército Marco Antônio Freire Gomes, e de diversas autoridades brasileiras. A comitiva percorreu os locais onde estão sendo realizados os treinamentos de civis, militares e policiais, além dos ambientes da direção do exercício e da sala de simulação do adestramento.

Entre no canal do Defesa em Foco no Whatsapp e fique por dentro de todas as notícias do dia

O General Freire Gomes enfatizou o Viking 22 como uma importante ferramenta de aprimoramento da operacionalidade das tropas brasileiras. O Comandante também fez referências à participação de integrantes da Associação Latino-Americana de Centros de Treinamento para Operações de Paz (ALCOPAZ), da Rede Brasileira de Pesquisa sobre Operação de Paz (REBRAPAZ) e da ONU Brasil nesse esforço conjunto.

Já o Ministro da Defesa ressaltou a importância do Brasil no exercício. “Participar de uma simulação construtiva como essa, envolvendo meios e tecnologias, em cinco sítios remotos conectados, com simulações, cooperação, integração entre as forças e instituições, reafirma a capacidade de Estados-Maiores na solução de problemas complexos em prol de futuros desdobramentos em missões de paz da ONU”, declarou. Ele acrescentou, ainda, a importância dos laços históricos. “As Forças Armadas têm se destacado há mais de 70 anos em operações de paz”.

Conduzido pelo Ministério da Defesa da Suécia, em parceria com o Departamento de Defesa dos Estados Unidos, o Exercício Viking 22 teve início no dia 28 de março e segue até o dia 7 de abril. No Brasil, a coordenação é do Ministério da Defesa e a direção cabe ao Exército Brasileiro, por intermédio do Comando de Operações Terrestres (COTER).

Minister of Defense and Army Commander visit international exercise facilities

Brasilia (DF) The largest multifunctional peace operations exercise in the world, Viking 22, received, on April 5th, the visit of the Brazilian Minister of Defense, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, the Brazilian Army Commander, General Marco Antônio Freire Gomes, and other Brazilian authorities. They toured the facilities where the training of civilians, military personnel and police officers are being held. They also visited the areas dedicated to the exercise mentoring and the training simulation room.

General Freire Gomes emphasized Viking 22 as an important tool for improving the Brazilian troops’ operability. He also highlighted the participation of the members of the Latin American Association of Peacekeeping Training Centers (AlCOPAZ), the Brazilian Research Network on Peace Operations (REBRAPAZ) and the UN Brazil in this joint effort.

On his turn, the Minister of Defense highlighted the importance of Brazil in the exercise. “The participation in a constructive simulation like this, which involves means and technologies in five connected remote sites, with simulations, cooperation, and integration between forces and institutions, reaffirms staffs’ complex problem solving capacity, benefiting future developments in UN peace missions”, he stated. He also highlighted the historical ties. “The Armed Forces have distinguished themselves for more than 70 years in peace operations”.

Conducted by the Swedish Ministry of Defense in partnership with the US Department of Defense, Exercise Viking 22 began on March 28th and continues through April 7th. In Brazil, the Ministry of Defense carries out coordination, and the Brazilian Army, through the Land Operations Command (COTER), is responsible for the exercise direction.

Fonte: Comando Militar do Planalto