O Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), localizado em São José dos Campos (SP), promoveu, nos dias 28 e 29 de setembro, a XXIII edição do Simpósio de Aplicações Operacionais em Áreas de Defesa (SIGE), com apoio do Ministério da Defesa (MD), do Estado-Maior da Aeronáutica (EMAER), do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), do Comando de Preparo (COMPREP), da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e da Associação dos Pós-Graduandos do ITA, além da colaboração das empresas de Tecnologia e Defesa Keysight, Anritsu, Rohde& Scwarz, Atech e Tektronix.

Realizado anualmente, sob a coordenação do Programa de Pós-Graduação em Aplicações Operacionais (PPGAO), o SIGE tem a participação dos alunos de mestrado e doutorado do ITA e busca possibilitar o intercâmbio de experiências e conhecimentos entre os setores operacionais das Forças Armadas, acadêmicos e industriais, em conformidade com as orientações estratégicas do EMAER e do DCTA.i2193016044503186

A abertura do evento foi realizada pelo Reitor do ITA, Professor Anderson Ribeiro Correia, e contou com a presença do Deputado Federal Eduardo Cury, do Vice-Diretor do DCTA, Major-Brigadeiro do Ar Ricardo José Freire de Campos, e de outras autoridades convidadas.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Em virtude da pandemia e reafirmando a capacidade de inovação do Instituto, um ambiente totalmente digital foi desenvolvido pelos alunos do PPGAO, a fim de garantir a transmissão em tempo real de todas as palestras.

i2193016043501632Participaram do evento cerca de 1.200 inscritos, número recorde para todas as edições, com participantes de Empresas, de Universidades e das Forças Armadas. Segundo o Coordenador-Geral do SIGE, Tenente-Coronel Aviador Dennys Wallace Duncan Imbassahy, o Simpósio foi um sucesso tanto nos números relativos às participações quanto à qualidade dos trabalhos apresentados. “É uma grande satisfação podermos realizar um evento desta magnitude e de significativa relevância para a Defesa nacional”, disse.

Ao encerrar a edição, o Professor Anderson agradeceu o envolvimento e a participação de todos. Ele frisou, ainda, o elevado número de visualizações dos artigos apresentados, o que demonstra a ampla repercussão dos trabalhos e o consequente benefício para empresas e para toda a tecnologia de defesa do Brasil. “Estamos na 23ª edição do SIGE. É uma longa trajetória de sucesso. A realização do Simpósio é uma oportunidade de interação entre os agentes das atividades de defesa em busca de troca de experiências, conhecimento e soluções”, afirmou o Reitor do ITA.

Fotos: Sargento Roberto / ITA

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).