No dia 2 de fevereiro, foi realizada a solenidade de inauguração da planta de energia renovável fotovoltaica no 5º Pelotão Especial de Fronteira (5º PEF), localizado em Auaris (RR),  no contexto da Operação Auaris II.

A planta proverá a energia renovável elétrica demandada pelo 5º PEF/Auaris, do Comando de Fronteira Roraima/7º Batalhão de Infantaria de Selva (C Fron RR/7º BIS), subordinado à 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl). O 5º PEF/Auaris dependia do transporte aéreo de óleo diesel para o abastecimento dos seus geradores, o que tornava a geração de energia mais cara e instável para a família militar.

O Projeto foi elaborado pelo 6º Batalhão de Engenharia de Construção (6º BEC), com acoplamento à corrente alternada. Trata-se de um sistema modularizado de armazenamento de energia, com 198 kW de potência instalada e capacidade de 248,4 kWh.

A solenidade contou com a presença do Comandante Militar da Amazônia (CMA), General de Exército Estevam Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, do Comandante da 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl), General de Brigada Adriano Fructuoso da Costa, do Comandante do 2º Grupamento de Engenharia (2º Gpt E), General de Brigada Marcelo Pereira Lima de Carvalho e do Tenente-Coronel Carlos Evando dos Santos, Comandante do 6º BEC. As informações são do Exército Brasileiro.

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui