Rio de Janeiro (RJ) – Na manhã do dia 21 de julho, ocorreu a conclusão do Curso de Monitor de Educação Física de 2022 (CM), na Escola de Educação Física do Exército (ESEFEx). Foram especializados trinta novos Calções Pretos, que retornarão às suas organizações militares (OM) de origem para atuarem como auxiliares de seus comandantes na preparação física da tropa.

O CM é um curso de especialização destinado aos Segundos e Terceiros-Sargentos não aperfeiçoados, com o objetivo de capacitá-los ao desempenho das funções de Auxiliar de Treinamento Físico das OM, Monitor de Equipes Desportivas Militares e a ocupar os cargos de Monitor de Educação Física em estabelecimentos de ensino.

O Curso de Monitor de Educação Física foi realizado em 25 semanas de instrução de período integral, com aulas teóricas e práticas, contando com 17 disciplinas.

A turma de 2022 foi composta por trinta sargentos, dos quais vinte e cinco são do Exército Brasileiro, dois da Marinha do Brasil, dois da Força Aérea Brasileira e um do Corpo de Bombeiro Militar do Estado de Rondônia. Destaca-se que, pela primeira vez na história, concluiu o curso uma sargento combatente. Assim, o Exército recebe militares especializados e capazes de trabalhar no contínuo aperfeiçoamento da capacitação física, da saúde e da operacionalidade da Força.

A formatura foi presidida pelo Chefe do Centro de Capacitação Física do Exército (CCFEx), General de Brigada Luiz Alberto Cureau Júnior, e contou com as presenças do Subcomandante da Escola Superior de Guerra do Rio de Janeiro, General de Brigada Himário Brandão Trinas, General Veterano Severino de Ramos Bento da Paixão, Comandante da EsEFEx, Coronel Edson Aita, e os comandantes de OM e demais autoridades civis e militares.

Fonte: Escola de Educação Física do Exército

Marcelo Barros, com informações e imagens do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui