blank

No dia 15 de julho, o Brasil recebeu a anuência dos governos participantes do Grupo de Supridores Nucleares (“Nuclear Suppliers Group” – NSG) para presidir o Grupo em 2023-2024.

O NSG é um regime de controle de exportações constituído para promover a coordenação de políticas nacionais de seus 48 governos participantes no controle de transferência de bens e tecnologias sensíveis na área nuclear, com o objetivo de garantir que estas sejam usadas para fins exclusivamente pacíficos.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Membro do Grupo desde 1996, a eleição do Brasil por seus pares do NSG evidencia as credenciais do país no controle de exportações de bens sensíveis e de uso dual na área nuclear.

Ao final da presidência brasileira, em 2024, será organizada, no Brasil, a 33ª Reunião Plenária do NSG.

Fonte: MRE