Dando continuidade aos eventos em alusão ao Dia do Aviador e da Força Aérea Brasileira (FAB), aconteceu, nesta sexta-feira (07/10), a tradicional palestra voltada ao grupo de militares da reserva da região de Brasília (DF), conhecido como Velhas Águias. A apresentação foi realizada pelo Comandante da FAB, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior, e contou com a presença de cerca de 240 Oficiais-Generais e Oficiais.

i2210711231301340

Participaram do evento o ex-Ministro da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Lélio Viana Lôbo; os ex-Comandantes da Aeronáutica: Tenente-Brigadeiro do Ar Juniti Saito, Tenente-Brigadeiro do Ar Nivaldo Luiz Rossato e Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez; além dos Ministros do Superior Tribunal Militar: Tenente-Brigadeiro do Ar Francisco Joseli Parente Camelo, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Vuyk de Aquino e Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Augusto Amaral Oliveira; de Oficiais-Generais do Alto-Comando da Aeronáutica; de Oficiais-Generais da Aeronáutica; da Consultora Jurídica-Adjunta do Comando da Aeronáutica, Tania Patricia de Lara Vaz; de Comandantes, Chefes e Diretores de Organizações Militares da Aeronáutica; e de Coronéis da Aeronáutica da reserva.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

i2210711231108790

Na palestra, o Tenente-Brigadeiro Baptista Junior abordou a atual conjuntura da Instituição e os desafios da FAB para as próximas décadas. “Tenho pleno conhecimento dos desafios que teremos que passar e das fundações que estamos cimentando para o futuro. Desafios que não são só orçamentários, que são, antes de mais nada, a decisão que devemos tomar sobre qual é a Força Aérea que nós queremos para o futuro”, explicou o Oficial-General.

O Comandante ainda destacou o trabalho em equipe e o espírito de corpo como aspectos essenciais para uma Força Aérea operacional. “É sobre a consciência de que, como diz no nosso Hino dos Especialistas, nós somos e precisamos continuar sendo um conjunto de todo eficaz. Nós não fazemos uma Força Aérea só de Aviadores, só de Intendentes, só de homens e mulheres, só de civis ou militares”, concluiu.

i2210711231107149Ex-Ministro da Aeronáutica de 1992 a 1994 e de 1995 a 1999, o Tenente-Brigadeiro Lôbo pontuou a importância da palestra feita pelo Tenente-Brigadeiro Baptista Junior. “Eu considero absolutamente essencial porque é uma forma que o Comandante tem de comunicar-se com esse universo de atuais e ex-assessores ao mesmo tempo. É uma forma de colocá-los a par daquilo que está acontecendo, das dificuldades que estão sendo enfrentadas, mas principalmente dos objetivos”, ressaltou.

Da mesma forma, o Coronel Aviador da reserva Hugo Marcelo Goulart Vieira agradeceu à oportunidade de se atualizar sobre a atual conjuntura da Força Aérea. “Para nós que estamos na reserva há algum tempo, a gente fica sem saber dos acontecimentos e do que está sendo feito. Então, acho de suma importância esse tipo de apresentação anual”, concluiu o Oficial.

As palestras do Comandante da Aeronáutica para os militares da reserva acontecem desde 2010.

Fotos: Sargento Figueira / CECOMSAER

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).