O Primeiro Esquadrão do Primeiro Grupo de Transporte (1°/1° GT) – Esquadrão Gordo, sediado na Base Aérea do Galeão (BAGL), no Rio de Janeiro, acionado pelo Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), realizou, na segunda-feira (09/01), Ação de Ressuprimento Aéreo com aeronave KC-390 Millennium. O destino foi o Quarto Pelotão Especial de Fronteira (4º PEF) do Exército Brasileiro, localizado no aeródromo de Surucucu, na cidade de Alto Alegre, em Roraima.

A operação ocorreu até domingo (15/01). Durante a missão foram entregues 25 toneladas de suprimentos às tropas militares sediadas na localidade, incluindo víveres, suprimentos e material de construção.

i2311111522503883

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Para o Comandante da Aeronave, Major Aviador Romulo dos Santos Pinto, é motivo de muita alegria poder cumprir essa missão. “Ao lançar esses materiais, não apenas ajudamos a garantir o bem-estar dos militares nas regiões fronteiriças, mas também reafirmamos nosso compromisso de proteger e servir nosso país. O sucesso só foi possível devido o planejamento cuidadoso, treinamento rigoroso e a dedicação de nossas equipagens”, frisou.

Sistema de Lançamento

i2311111522703484O KC-390 Millennium possui um sistema de manuseio e lançamento de carga em voo totalmente automatizado, onde o mestre de carga pode gerenciar todas as atividades, reduzindo assim o trabalho e aumentando a segurança e a consciência situacional. Para os pilotos, um sistema chamado Ponto de Queda Calculado Continuamente (CCDP, do inglês, Continuously Computed Drop Point) calcula automaticamente o ponto ideal de lançamento, resultando em melhor precisão no cumprimento da missão. Dessa forma, a aeronave apresentou desempenho dentro dos aspectos qualitativos esperados e com excelente precisão.

Fotos: EB; COMAE; BAGL; e 1º/1ºGT

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).