Nesta segunda-feira (3), o vice-presidente e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, e o ministro da Defesa da Arábia Saudita, príncipe Khalid bin Salman, assinaram em Riade um acordo significativo de cooperação em defesa entre os dois países.

Áreas de Cooperação

A parceria abrange 11 áreas estratégicas, incluindo:

  • Indústria de defesa
  • Troca de informações
  • Transferência de tecnologias
  • Financiamento de sistemas militares
  • Treinamento das Forças Armadas
  • Desenvolvimento da indústria de defesa

Alckmin destacou a importância do acordo, afirmando que ele representa “uma demonstração histórica de confiança mútua entre Brasil e Arábia Saudita, que reforça nossa amizade”. Ele enfatizou o apoio entusiástico do Ministério da Defesa, liderado pelo ministro José Múcio, e a abrangência da parceria, que inclui também a pesquisa e desenvolvimento em projetos de defesa, gerenciamento de emergências e crises, serviços militares de saúde e suporte logístico.

Benefícios Comerciais e Tecnológicos

blank

Além das trocas tecnológicas e militares, o acordo prevê a compra e venda de materiais e a incorporação de outras áreas de interesse mútuo, com o objetivo de promover a paz e a estabilidade internacionais.

Desde 1984, Brasil e Arábia Saudita mantêm um Protocolo de Cooperação Industrial-Militar. O novo acordo atualiza e fortalece esse compromisso, atendendo às necessidades contemporâneas de ambos os países. A implementação será coordenada pelos ministérios da Defesa dos dois países, com a possibilidade de convidar outras áreas para compor o Comitê Militar Conjunto. O acordo tem validade de cinco anos e será automaticamente renovado se houver interesse mútuo.

Participantes do Acordo

Representantes do Brasil:

  • Embaixador brasileiro na Arábia Saudita, Sérgio Ogonio de Rocios Paz
  • Consultor-chefe de diplomacia da Vice-Presidência, Celso de Tarso
  • Adido Militar na Embaixada na Arábia Saudita, Marcelo Maza Quadros

Representantes da Arábia Saudita:

  • Vice-ministro da Defesa, príncipe Abdulrahman bin Mohammed bin Ayyaf
  • Chefe do Estado-Maior, tenente-general Fayyad Al-Ruwaili
  • Ministro assistente da Defesa, engenheiro Talal Al-Otaibi
  • Ministro assistente da Defesa para Assuntos Executivos, Dr. Khalid Al-Biyari
  • Embaixador saudita no Brasil, Dr. Faisal Ghulam
  • Adido militar na embaixada saudita em Brasília, coronel Hader Al-Ziyad

Com informações do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui