No dia 2 de março de 2023, o Comando Militar do Leste (CML) teve a honra de receber a visita do Superintendente Regional da Polícia Federal no Rio de Janeiro, Delegado Leandro Almada da Costa, e sua comitiva no Palácio Duque de Caxias (PDC). A reunião teve como objetivo tratar de assuntos de interesse do Exército Brasileiro e da Polícia Federal, além de proporcionar um incremento no conhecimento mútuo acerca das capacidades das duas instituições.

O encontro foi conduzido pelo Comandante Militar do Leste, General de Exército André Luis Novaes Miranda, que recebeu a comitiva com cordialidade e estima, ressaltando a importância da cooperação entre as forças de segurança em prol da sociedade brasileira.

Durante a reunião, foram discutidos diversos temas, tais como o compartilhamento de informações e ações conjuntas para combate ao crime organizado e a proteção da soberania nacional. O Chefe da Assessoria de Relações Institucionais do CML, General de Brigada Veterano Ernesto de Lima Gil, acompanhou a reunião e destacou a importância do diálogo entre as duas instituições.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A Polícia Federal é uma instituição de Estado que tem como missão a defesa da ordem jurídica, dos direitos políticos e das garantias constitucionais, além de combater o crime organizado e a corrupção em todas as suas formas. Já o Exército Brasileiro, por sua vez, tem a missão de defender a soberania nacional e garantir a integridade territorial do país.

Ambas as instituições são importantes para a segurança pública e têm atuado de forma eficiente no combate à criminalidade no Brasil. A visita do Superintendente Regional da Polícia Federal no Rio de Janeiro ao Comando Militar do Leste demonstra a importância da cooperação entre as forças de segurança, bem como o compromisso dessas instituições em trabalhar juntas em prol da segurança da sociedade brasileira.

Dessa forma, a reunião foi muito produtiva e de extrema importância para o fortalecimento da parceria entre as duas instituições. O CML e a Polícia Federal têm a responsabilidade de proteger a população e garantir a ordem pública, e essa visita representa mais um passo em direção a uma atuação conjunta e eficiente no combate à criminalidade.

Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).