Renascimento da Polícia Civil de Alagoas: O impacto dos novos agentes e escrivães

Dando início a uma nova era na Polícia Civil de Alagoas, trezentos concursados participaram, na segunda-feira (22), no Centro de Convenções, da aula inaugural do Curso de Formação de Agentes e Escrivães. A cerimônia contou com a presença do secretário de Segurança Pública (SSP), Flávio Saraiva; do delegado-geral da PC, Gustavo Xavier; do comandante-geral da Polícia Militar, coronel Paulo Amorim, e da superintendente de Gestão e Pessoas da Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Tatiane Vaz, além de delegados, agentes e escrivães.

A Importância da Inclusão de Novos Integrantes para a Polícia Civil de Alagoas


Nos siga no Instagram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de Maceió.

O diretor da Academia de Polícia Civil, delegado Antônio Carlos Lessa, destacou a importância do curso de formação e do ingresso de novos agentes e escrivães para a Polícia Civil de Alagoas. Segundo ele, esses novos integrantes irão fortalecer a equipe, possibilitando a evolução da Polícia Civil em várias frentes. O delegado-geral Gustavo Xavier reforçou essa ideia em seu pronunciamento, destacando a importância do apoio de diversas instituições do governo do estado para que essa inserção de novos integrantes na equipe da Polícia Civil pudesse acontecer.

A Presença Feminina na Polícia Civil

A promotora de Justiça Karla Padilha parabenizou a turma, em especial as mulheres que a compõem, e discursou sobre como é importante a presença feminina na Polícia Civil. Ela destacou que um terço do efetivo dessa turma é feminino, marcando uma etapa importante na inclusão de mais mulheres na Polícia Civil de Alagoas. Isso reflete o compromisso da Polícia Civil em diversificar sua força de trabalho e garantir uma representação mais igualitária.

Detalhes do Curso de Formação e Aspirações para o Futuro

O delegado-geral adjunto da Polícia Civil, Eduardo Mero, apresentou detalhes das etapas do curso de formação, que terá duração de, aproximadamente dois meses. Ele destacou que, entre as disciplinas que serão ministradas, incluem-se Investigação de Local de Crime, Direitos Humanos, Ética e Cidadania na Polícia Judiciária, Gestão Integrada, Procedimentos Policiais Eletrônicos, Técnicas de Entrevista de Interrogatório, Investigação de Homicídio, Investigação de Organização Criminosa, Investigação de Drogas; Investigação de Crimes Financeiros, Contra a Mulher e Cibernéticos; Manuseio e Emprego de Arma de Fogo, entre outras.

A aula inaugural, ministrada pelo secretário de Estado da Segurança Pública, Flávio Saraiva, abordou o tema “Formação de um policial”, falando um pouco sobre sua própria trajetória de vida e as oportunidades de crescimento na instituição. Saraiva encerrou a sua palestra pedindo para que os novos policiais ajudem Alagoas a se tornar um estado mais seguro.





Maceió em Foco