Agencia PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), reconhecida por sua atuação estratégica nas rodovias brasileiras, deu mais um passo significativo para aprimorar a formação de seus profissionais. Em uma reunião realizada no Ministério da Justiça e Segurança Pública, foi aprovada a construção da sede própria do ensino da PRF, que será localizada em Brasília (DF), integrando o mesmo complexo da Sede Nacional do órgão.

Garantindo a Qualidade do Ensino

Snapinsta.app 386313970 1019648045906669 6343298050590571519 n 1080
Agencia PRF

A transição para uma nova estrutura de ensino é um processo que demanda tempo e planejamento. Pensando nisso, o Diretor-Geral da PRF tomou medidas para assegurar que a qualidade do ensino não seja comprometida durante esse período. Foi garantida a manutenção da UniPRF (Universidade Corporativa da PRF) em Florianópolis (SC), que é o local da atual estrutura de ensino. Essa decisão assegura que todos os cursos e treinamentos previstos sejam realizados sem interrupções até a conclusão da nova sede.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Capacitação Contínua e Planejamento de Longo Prazo

A formação e capacitação contínua dos profissionais da PRF são fundamentais para que o órgão continue desempenhando seu papel com excelência. Com a aprovação da nova estrutura de ensino, todo o planejamento de capacitação previsto para os próximos anos será mantido. Além disso, estão previstos novos treinamentos e cursos, fortalecendo ainda mais a preparação dos profissionais da PRF. A mudança completa para a nova sede em Brasília está prevista para 2025, marcando um novo capítulo na história da capacitação da PRF.

A decisão de investir em uma nova estrutura de ensino em Brasília reflete o compromisso da PRF com a excelência e a formação contínua de seus profissionais. É uma demonstração clara de que a segurança pública e a capacitação de seus agentes são prioridades para o Brasil.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).