A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou, no dia 22/07, na Base Aérea de Brasília (BABR), a cerimônia militar alusiva aos 149 anos de nascimento do Marechal do Ar Alberto Santos-Dumont, Pai da Aviação e Patrono da Aeronáutica brasileira, que é comemorado no dia 20 de julho. No mesmo dia, o Ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, foi condecorado com a Medalha Mérito Santos-Dumont.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A solenidade contou com a presença do Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, General de Exército Laerte de Souza Santos; do Comandante da Força Aérea Brasileira, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior; do Secretário-Geral do Ministério da Defesa, Sergio José Pereira; de Oficiais-Generais membros do Almirantado, do Alto-Comando do Exército e do Alto-Comando da Aeronáutica, dentre outras autoridades.

Na ocasião, o Ministro Paulo Sérgio Nogueira destacou a importância de receber uma medalha tão importante para a Aviação brasileira. “É uma honra ser condecorado com tão nobre honraria. Aprendemos nos bancos escolares desde cedo, ainda menino, quem foi Santos-Dumont e a importância dele para a Força Aérea Brasileira, o Brasil e o mundo. Como Ministro da Defesa, me sinto muito agradecido, muito honrado de receber no peito esquerdo, do lado do coração, essa medalha”, pontuou.

Por sua vez, o Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro Baptista Junior, parabenizou o Ministro. “A cerimônia traz o reconhecimento de todos atributos de Santos-Dumont, como o seu empreendedorismo, a sua amizade e a sua perseverança. Para nós é um motivo de grande júbilo. Seja bem-vindo, Ministro, à nossa ordem da medalha Mérito Santos-Dumont. Tenha certeza que ela faz jus aos seus atributos”, salientou.

Medalha Santos-Dumont

Personalidades civis e militares, brasileiros ou estrangeiros, podem receber a Medalha Mérito Santos-Dumont, desde que tenham prestado destacados serviços à aeronáutica brasileira ou, por suas qualidades ou valores, em relação à Aeronáutica, sejam julgados merecedores. Nascido em 1873, Alberto Santos-Dumont dedicou sua vida à aviação e foi o primeiro aeronauta a alcançar a dirigibilidade dos balões e a voar em um aparelho mais pesado que o ar com propulsão própria.

Fotos: Sargento Müller Marin / CECOMSAER

Marcelo Barros, com informações da Agência Força Aérea
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).