blank

O Ministério da Defesa, por intermédio da Chefia de Logística e Mobilização (Chelog), promoveu, entre 30 de maio e 3 de junho, o 1º Adestramento em Atendimento Pré-Hospitalar Tático (APHt). O treinamento, que contribui para o constante aperfeiçoamento logístico e operacional das Forças Armadas, permite que os militares estejam sempre a postos para atuar nas mais diversas missões e em defesa dos interesses da sociedade.

Realizado no Centro de Medicina Operativa da Marinha (CMOpM), na Escola de Sargentos de Logística (EsSLog) e no Instituto de Medicina Aeroespacial (Imae), no Rio de Janeiro (RJ), o adestramento contou com a participação de cerca de 30 militares das três Forças.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Durante as ações, as instruções teóricas e práticas foram voltados para temas como primeiros socorros e o suporte básico de vida, tais como manter a permeabilidade das vias aéreas; promover uma satisfatória ventilação pulmonar; controlar hemorragias; prevenir o choque; tratar os ferimentos; e preparar feridos para a evacuação.

Protocolo TCCC – Tendo como referência o protocolo TCCC (Tactical Combat Casualty Care) — criado pelo Departamento de Defesa Americano e empregado como padrão de atendimento no campo de batalha —, o adestramento foi dividido em três fases: Cuidados sob Fogo (Care Under Fire – CUF), Cuidado Tático em Campo (Tactical Field Care – TFC) e Cuidado Tático de Evacuação (Tactical Evacuation – Tacevac).

PHOTO-2022-06-06-17-13-41_2.jpg

Por Mariana Alvarenga, com informações da Chelog
Fotos: Divulgação