Rio de Janeiro (RS) – O Grupamento de Unidades Escola – 9ª Brigada de Infantaria Motorizada (GUEs/9ª Bda Inf Mtz) concluiu a Fase Construtiva (Jogos de Guerra) de sua Certificação como Força de Prontidão (FORPRON) do Exército Brasileiro. Com foco no planejamento de Operações Militares, o exercício utilizou os softwares “Combater” e “C2 em Combate”, os quais possibilitam representar um ambiente de conflitos, adestrando os Comandantes e os Estados-Maiores da Brigada na solução de problemas militares simulados.

Durante a Fase Construtiva, ocorrida entre os dias 14 a 18 de novembro, o Comando de Operações Terrestre (COTER), o Comando Militar do Leste e a 1ª Divisão de Exército (1ª DE) acompanharam as atividades executadas, avaliando o desempenho do Jogo.

Estiveram presentes o Comandante da 1ª DE, General de Divisão Kleber Nunes de Vasconcellos, o Gerente do Sistema de Prontidão Operacional do COTER, General de Divisão Veterano Gláucio Lucas Alves, o Chefe do Centro de Coordenação de Operações do Comando Militar do Leste, General de Brigada Paulo Edson Santa Barba e o adjunto do Gerente do Sistema de Prontidão Operacional do COTER, Coronel Veterano Osiris Fernandes Júnior.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Finalizado os Jogos de Guerra, o GUEs/9ª Bda Inf Mtz está capacitado e motivado para iniciar a próxima etapa da Certificação, a Fase da Simulação Virtual, atividade que acontecerá de 21 a 25 de novembro, no Centro de Adestramento Leste.

Fonte: Grupamento de Unidades Escola – 9ª Brigada de Infantaria Motorizada
Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).