Google News

Por Mariana Alvarenga

Nesta quarta-feira (04), teve início o Seminário de Avaliação e Acompanhamento da Execução do Programa de Apoio ao Ensino e à Pesquisa Científica e Tecnológica em Defesa Nacional, o Pró-Defesa IV. A Secretaria de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto do Ministério da Defesa promove o evento em parceria com a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Nível Superior (CAPES).

O simpósio, que ocorre em formato virtual, divulga os resultados parciais do Pró-Defesa IV e promove a interação entre pesquisadores e demandantes dos produtos dos projetos de pesquisa em execução. Esses requerentes pertencem às Forças Armadas, a órgãos governamentais, a instituições de pesquisa e ensino, e à Base Industrial de Defesa (BID). Serão 12 projetos apresentados. O evento tem continuidade nesta quinta-feira (05).

Na abertura, o Diretor de Ensino do Ministério da Defesa, General de Divisão Paulo Roberto Viana Rabelo, enalteceu a parceria com a CAPES. “Temos como farol nessa parceria aproximar, divulgar e interagir com a sociedade e o meio acadêmico, particularmente, sobre os assuntos de Defesa. Com o Pró-Defesa, desenvolvemos vários projetos com relevância e efetividade para melhoria do nosso País”, disse ele.

Igor Soares-13.jpg

A diretora de Programas e Bolsas no País da CAPES, Zena Maria da Silva Martins, representou a Presidente da CAPES, Cláudia Mansani Queda de Toledo, na abertura do evento. Ela afirmou que “é importante financiar a formação de recursos humanos voltados para a defesa nacional. Mas, mais importante ainda é acompanhar esses projetos que estão sendo financiados”.

Ela disse, ainda, que todas as edições do Pró-Defesa foram bem-sucedidas, com sucessivos lançamentos de editais e muitos projetos apresentados. “Todos com extrema qualidade e relevância, realizados em parceria com instituições públicas e instituições militares”, afirmou.

Igor Soares-3.jpg

No primeiro dia do Seminário, entre os temas tratados, estão: “A economia de defesa no Brasil: gastos militares e suas interfaces com a indústria e a inovação”; e “Pesquisa e desenvolvimento de simuladores em apoio às atividades militares”. Após as explanações, ocorre o debate.

No segundo dia, o ciclo de apresentações será encerrado com diálogo entre os coordenadores dos projetos, sobre os resultados obtidos com o programa, bem como os óbices e as oportunidades deste. Serão expostos temas como: “Desenvolvimento do suporte logístico integrado para aeronaves de defesa Embraer KC-390 e Saab Gripen” e “Observatório de políticas marítimas”. O seminário ficará disponível no canal de Youtube da Capes.

Incentivo à pesquisa

O Pró-Defesa incentiva, por meio de financiamento, a criação de redes de cooperação acadêmicas entre Instituições de Ensino Superior (IES), públicas e particulares; institutos militares; e centros de estudos estratégicos. Mediante o Programa, são realizados projetos conjuntos de pesquisa utilizando-se de recursos humanos e de infraestrutura disponíveis em diferentes instituições. O edital da quarta edição do Programa foi divulgado em 2018.

Fotos: Igor Soares

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui