blank

A Dígitro Tecnologia acaba de renovar junto ao Ministério da Defesa o certificado de Empresa Estratégica de Defesa (EED). Concedida apenas às companhias que atendem requisitos obrigatórios, a certificação tem como objetivo assegurar a soberania nacional e coloca a Dígitro entre as selecionadas para desenvolver soluções para a Segurança Pública e Defesa do país.

Em setembro, o Ministério da Defesa realizou uma vistoria na sede da Dígitro, em  Florianópolis (SC). A equipe de avaliação contou com integrantes do Departamento de Produtos de Defesa, representante do Centro de Apoio a Sistemas Logísticos de Defesa (CASLODE) e das Forças Armadas.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

“A Dígitro tem muito orgulho de ser uma empresa pioneira, de capital 100% brasileiro e que investe constantemente em pesquisa e desenvolvimento de novas soluções. Com nossos sistemas, colaboramos para a segurança nacional e para o desenvolvimento de uma sociedade mais transparente”, afirma Octávio Carradore, diretor de Relações com o Mercado da Dígitro Tecnologia.  Segundo o Ministério da Defesa, além da Dígitro Tecnologia há 103 EEDs credenciadas no país.

A certificação como EED foi renovada para os produtos estratégicos de defesa do IntelleTotum. O sistema é uma plataforma de inteligência investigativa para sustentar e subsidiar a tomada de decisão a partir da ingestão de grande volume de dados com característica de big data. O documento é assinado pelo diretor do Departamento dos Produtos de Defesa do Ministério da Defesa.

O que é uma Empresa Estratégica de Defesa (EED)?

Para ser classificada como uma Empresa Estratégica de Defesa (EED) a maioria dos sócios precisa ser brasileira, assim como a sede deve estar no Brasil. Além disso, atividades de pesquisa, projeto, desenvolvimento, industrialização, prestação dos serviços, produção, reparo, conservação, revisão, conversão, modernização ou manutenção de produtos estratégicos de defesa no país precisam estar entre as finalidades da empresa.

Também é necessário ter comprovado conhecimento científico ou tecnológico próprio ou complementado por acordos de parceria com Instituição Científica e Tecnológica para realização de atividades conjuntas de pesquisa.

Fonte: Portal BIDS