Voiced by Amazon Polly

Google News

Por Rayane Bueno

Adidos de 35 países reuniram-se, nesta terça-feira (27), no 1º Encontro de Adidos de Defesa das Nações Amigas de 2021, realizado no Ministério da Defesa (MD). Além de fomentar intercâmbio na área da Defesa, o encontro é uma oportunidade para que os militares estrangeiros conheçam os resultados das principais ações das Forças Armadas no monitoramento, controle e combate aos ilícitos ambientais. Ao prestigiar o evento, o Ministro Walter Souza Braga Netto destacou o trabalho e as iniciativas da Pasta em apoio ao Estado brasileiro.

Três temas foram abordados: as principais características e resultados da Operação Verde Brasil II e os objetivos da Operação Samaúma no combate aos crimes ambientais; o papel do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia (CENSIPAM) na defesa do meio ambiente; e os resultados da Operação Acolhida. Os assuntos foram apresentados pelo Subchefe de Operações do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, General de Brigada Sérgio Rezende de Queiroz; pela Coordenadora-Geral de Operações do CENSIPAM, Edileuza de Melo Nogueira; e pelo Gerente da Seção de Logística e Mobilização, Coronel Aviador Márcio Pontes, respectivamente.

Alexandre Manfrim-30.jpg

O Subchefe de Assuntos Internacionais, General de Brigada Himario Brandão Trinas, reiterou a relevância do encontro para fortalecer o relacionamento, no campo militar, entre os adidos. “As iniciativas mostram a capacidade do brasileiro em cooperar e promover a amizade e, acima de tudo, o respeito pelo ser humano, pelas culturas e pelos povos. Procurando sempre melhorar as condições do nosso mundo. Estamos trabalhando em prol do nosso País”, destacou.

Ao final do evento, em nome de todos os adidos de Defesa, o Adido de Defesa de Portugal no Brasil, Capitão de Mar e Guerra Manuel Francisco Silveirinha de Canané, agradeceu pela iniciativa. “Trata-se de um encontro muito importante para todos os adidos. As apresentações possuem muita relevância, pois trazem panorama atualizado das atividades do Ministério da Defesa e das Forças Armadas sobre as operações que estão em curso”, pontuou.

Alexandre Manfrim-11.jpg

Além do adido de Portugal, participaram Alemanha, Argentina, Bangladesh, Canadá, Chile, China, Coreia, Egito, El Salvador, Espanha, Estados Unidos da América, França, Gana, Guatemala, Honduras, Índia, Indonésia, Itália, Namíbia, Nigéria, Paquistão, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, República Dominicana, Rússia, Senegal, Suécia, Tailândia, Tanzânia, Turquia, Uruguai, Vietnã e Zâmbia.

Foto: Alexandre Manfrim

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui