No dia 30 de maio, o Comandante de Operações Terrestres, General Estevam Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, e o Comandante Militar da Amazônia, Achilles Furlan Neto, foram recepcionados pelos indígenas da Aldeia Massapê durante a Operação JACUIXITO. Na ocasião, os generais tiveram seus rostos pintados pelos indígenas e receberam objetos típicos e tradicionais da etnia Canamari, como símbolo de boas-vindas aos comandantes.

Intercâmbio cultural e simbólico

Como agradecimento pela ação dos militares, o conselheiro da tribo entregou a ambos os generais um artefato indígena. Em contrapartida, o General Furlan presenteou o conselheiro com uma moeda institucional do Comando Militar da Amazônia, carregando um significado simbólico.

Operação JACUIXITO e esforços do Exército Brasileiro

A visita à Aldeia Massapê integra as atividades da Operação JACUIXITO, que tem como objetivo prevenir e reprimir crimes transfronteiriços e ambientais na região. A comitiva também acompanhou outras atividades dos militares na área de operações.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

O Exército Brasileiro, instituição nacional e permanente, mantém seu esforço na proteção do meio ambiente e na integração à sociedade na Amazônia Ocidental. Dessa forma, contribui para o desenvolvimento nacional e para a defesa do Brasil.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).