A Academia da Força Aérea (AFA), localizada em Pirassununga (SP), inaugurou nessa quarta-feira (24/08), o simulador T-4000 modernizado. A cerimônia foi presidida pelo Diretor de Tecnologia da Informação da Aeronáutica (DTI), Brigadeiro do Ar Luiz Guilherme da Silva Magarão, acompanhado pelo Comandante da AFA, Brigadeiro do Ar Marcelo Gobett Cardoso. Também participaram da solenidade, o Chefe do Centro de Computação de Aeronáutica de São José dos Campos (CCA – SJ), Coronel Aviador Piterson Marques Lisboa, Comandantes, Chefes de Divisões e demais Militares da Academia e do CCA-SJ.

O Diretor da DTI, Brigadeiro Magarão, enalteceu a acolhida e a parceria da equipe da Academia no desenvolvimento do Projeto e a capacidade técnica dos integrantes do CCA-SJ. “Somos capazes e desenvolvemos uma solução para um problema estratégico da Força Aérea Brasileira. Essa entrega contribuirá decisivamente na instrução básica com o aumento da eficiência na formação dos Cadetes e economia recursos, estendendo inclusive, a vida útil das aeronaves. É um compromisso da DTI em investir para a modernização do ensino da Academia da Força Aérea”, destacou.

Com a recente modernização da aeronave T-27 Tucano, surgiu a necessidade de atualização do simulador, com uma total remodelação de seu painel e aviônicos, adotando as novas tecnologias e sistemas implementados. Após a entrega da primeira aeronave T-27M à AFA, no início de 2022, iniciou-se o processo de adequação e modernização do simulador de voo T-4000 junto ao CCA-SJ, que em um curto período conseguiu remodelar totalmente a estrutura do simulador, instalando os modernos sistemas Garmin, além de aprimorar suas capacidades de voo.

Em suas palavras, o Comandante da AFA, Brigadeiro Gobett, agradeceu a DTI pela gestão e o acompanhamento de alto nível para que o CCA-SJ pudesse em parceria com a Academia concretizar esse projeto. “Temos um imenso orgulho desta solução da Força Aérea Brasileira, através da técnica, da DTI e dos nossos operadores que trabalharam em conjunto para que tivéssemos sucesso a curto prazo. Já planejamos para o próximo ano a operação dos quatro Esquadrões de Cadetes do Corpo de Cadetes da Aeronáutica, para que todos possam ter contato com a atividade aérea no Esquadrão de Treinamento Simulado. Quem ganha com esse sistema é a FAB”, ressaltou.

Atualmente, com a entrega do T-4000 Modernizado, é possível que o Cadete tenha uma imersão total na aeronave, podendo interagir em sua totalidade com todos os instrumentos e funcionalidades da aeronave T-27M, além de permitir um treinamento fidedigno dos procedimentos de emergência.

Já o Chefe do CCA-SJ, Coronel Piterson, elogiou a confiança que depositaram no projeto. “Sou muito grato aos Oficiais-Generais que confiaram na nossa missão e fizeram com que pudéssemos chegar a um dia como esse. Simuladores de baixo custo em benefício de uma séria Instrução Aérea”, concluiu.

A inauguração do T-4000 modernizado é a concretização dos esforços do Comando da Aeronáutica em prover as melhores condições para a formação plena de seus futuros líderes.

Fotos: Soldado João oliveira/ AFA

Marcelo Barros, com informações e imagens da Agência Força Aérea
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui