Ações coordenadas com a Polícia Federa (PF), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) - Foto: Polícia Federal

Nos dias 3 e 4 de maio, a Polícia Federal, por meio de ações coordenadas com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA), deflagrou a Operação Madeira da Noite II. O foco é o combate ao desmatamento ilegal no Estado.

Durante a operação, foi feita a prisão em flagrante de um dos envolvidos no delito, apreensão da madeira transportada e extraída de forma ilegal, a lavratura de um Termo Circunstanciado e a apreensão de um rádio comunicador do tipo satélite – conhecido como “rádio bolinha”.

Além de combater o desmatamento e desmantelar as organizações criminosas, a operação busca cumprir os acordos internacionais firmados pelo Brasil na 26ª Conferência das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas (COP26), realizada na Escócia.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A Operação “Madeira da Noite I” foi deflagrada nos dias 19 e 20 de abril, ocasião que foram apreendidos quatro rádios comunicadores do tipo satélite, quatro caminhões e um carreta com aproximadamente 45m³ de toras e 53m³ de madeira serrada.

Foram pegos um trator e um caminhão, bem como uma serraria foi embargada pelo IBAMA. Além disso, cinco pessoas foram presas em flagrante e conduzidas para a Delegacia de Polícia Federal de Altamira/PA.

A operação é decorrente de investigações e compartilhamento de informações entre os três órgãos e faz parte das ações Guardiões da Bioma Unidade Altamira/PA.

Com informações da Polícia Federal.