Google News

Foram conduzidos, em 13 de julho, adestramentos a bordo do Navio-Aeródromo Multipropósito (NAM) Atlântico, com o navio atracado no Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro (AMRJ), envolvendo o pouso de aeronaves H225m do Exército Brasileiro (HM-4 Jaguar) e da Força Aérea Brasileira (H-36 Caracal), acompanhados por uma equipe do 2º Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (EsqdHU-2), da Marinha do Brasil.

Os adestramentos consistiram em atividades de apoio de solo, tais como peação, dobragem das pás do rotor principal, rolagem das aeronaves no Convoo e Hangaragem, realizadas pelas próprias equipagens das respectivas Forças. Tais eventos preparatórios são fundamentais para a execução da fase de mar, que envolverá o pouso dessas unidades a bordo, durante comissão operativa.

O Intercâmbio Operacional das Aeronaves H225m contribuirá para o incremento da interoperabilidade entre a Marinha do Brasil, o Exército Brasileiro e a Força Aérea Brasileira, e alavancará novas capacidades operativas para as Forças Armadas, envolvendo Operações Aéreas embarcadas a partir de Navio-Aeródromo.

Força de Paz

Na última segunda-feira (12), o Batalhão de Infantaria de Força de Paz (Mecanizado) e a Companhia de Ação Rápida realizaram o apronto operacional para a comitiva da Organização das Nações Unidas (ONU).

O evento consta do cronograma da Visita de Avaliação e Assessoramento da ONU (AAV, sigla em inglês), que visa à ascensão das tropas ao nível 2 do Sistema de Prontidão de Capacidades da ONU, orgânicas da 15ª Brigada de Infantaria Mecanizada.

Participaram do apronto operacional 800 militares e 114 viaturas, dentre elas, a viatura blindada de transporte de pessoal Guarani e a viatura blindada multitarefa Lince, além de armamentos e equipamentos diversos.

Amazônia Conectada

O Projeto Amazônia Conectada, conduzido pelo Ministério da Defesa e coordenado pelo Departamento de Ciência e Tecnologia (DCT) do Exército, iniciou o lançamento de 620 km de cabos ópticos no leito do rio Negro. A liberação dos cabos ópticos, por meio fluvial, foi realizada no início de julho.

O lançamento de verificação acontece como exercício de simulação para, posteriormente, ser realizado, a partir de Barcelos (AM), até as cidades de Santa Isabel do Rio Negro (AM) e São Gabriel da Cachoeira (AM). As estruturas serão lançadas até agosto, e ao final do estágio, o projeto somará um total de 1.820 quilômetros de fibras ópticas e nove municípios atendidos, além da capital Manaus.

O Chefe do DCT, General de Exército Guido Amin Naves, esteve no 4º Centro de Telemática de Área (4º CTA) em visita de orientação técnica referente ao projeto, acompanhou a liberação dos cabos ópticos e destacou os benefícios da ação para a população. “É um retorno à sociedade, em termos de conectividade, de inserir essas comunidades na era da informação, que é importante para o Brasil”.

O conselheiro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Moisés Queiroz Moreira, parabenizou mais uma etapa do projeto que está sendo executado pelo Exército e destacou o trabalho pioneiro de levar banda larga para a região amazônica. A Anatel executará outro projeto, com características similares, entre Manaus e Santarém, que constitui o trecho 01 do Projeto Norte conectado.

Localidades e instituições beneficiadas

O Projeto Amazônia Conectada (PAC) está presente em sete localidades do interior, ao longo das infovias do Rio Negro (Novo Airão, Vila de Moura e Barcelos) e do Rio Solimões (Iranduba, Manacapuru, Coari e Tefé), tendo sido instalados, desde 2015, aproximadamente, 1,2 mil quilômetros de cabos ópticos.

Além de proporcionar ao Exército e às demais Forças Armadas meios modernos de comando e controle, o Projeto Amazônia Conectada permite a inclusão digital de milhares de famílias nos municípios beneficiados, e contribui também para o progresso de toda a sociedade. Atualmente, 6 hospitais estão conectados à rede do PAC, usufruindo de serviços de telemedicina, inclusive com as consultas feitas com médicos do Hospital Albert Einstein, de São Paulo (SP). Ao todo, já existem 10 escolas de ensino médio, fundamental e técnico conectadas, e até final de agosto outras serão contempladas, totalizando 54 escolas conectadas.

Fonte: Portal BIDS

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui