Foto oficial do evento no Museu da Imigração da Ilha das Flores

A Tropa de Reforço participou, em 21 de maio, da Semana Nacional de Museus com a presença de crianças e jovens do Programa Forças no Esporte (Profesp) da Base de Fuzileiros Navais da Ilha das Flores (BFNIF), integrantes do 90º Grupo Escoteiro do Mar “Suboficial Amélio Azevedo Marques” e familiares visitantes.

Acompanhando as atividades desenvolvidas pela Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha (DPHDM), o evento é uma das ações em comemoração ao Dia Internacional dos Museus e tem o intuito de sensibilizar o público sobre a importância dos museus no desenvolvimento da sociedade.

No ano em que se comemora o Bicentenário da Independência do Brasil, com o tema: “O Poder dos Museus”, o Museu da Imigração da Ilha das Flores participou desse evento e apresentou uma programação especial sobre a história dos imigrantes oriundos de diversos países no período de 1833 a 1966, que ingressaram no Brasil pela Ilha das Flores, cuja hospedaria foi a primeira criada pelo governo brasileiro, ainda no período imperial, e chegou a receber àquela época, a visita de Dom Pedro II.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

weg6dy56rtyikiujhytgf
Cerimônia de abertura da 20ª Edição da Semana Nacional de Museus

A Tropa de Reforço possui convênio de cooperação com a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), que visa preservar a memória da imigração no Brasil, contribuindo para que o Museu da Imigração da Ilha das Flores venha se consolidando ao longo dos últimos anos, como um instrumento de grande relevância cultural para a região. O convênio beneficia, de maneira totalmente gratuita, estudantes de todos os níveis de ensino, das redes pública e privada, professores e pesquisadores, bem como membros da sociedade em geral, com grande alcance aos projetos sociais e educacionais desenvolvidos, sobretudo, pelas Prefeituras de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí.

Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).