Tribunal Marítimo realiza sessão extraordinária de posse de Juiz Militar

blank
Sessão extraordinária de exoneração e posse de Juiz Militar

No dia 31 de março de 2021, foi realizada sessão extraordinária de exoneração e posse de Juiz Militar do Tribunal Marítimo, presidida pelo Juiz-Presidente, Vice-Almirante (RM1) Wilson Pereira de Lima Filho. O Capitão de Mar e Guerra (EN-Ref°) Geraldo de Almeida Padilha, após mais de oito anos atuando como juiz na cadeira destinada a juiz militar do Corpo de Engenheiros Navais da Marinha, transmitiu o cargo para o Capitão de Fraga (EN-RM1) Júlio César Silva Neves.

Estiveram presentes o Diretor-Geral de Navegação, Almirante de Esquadra Marcelo Francisco Campos; o Comandante do 1º Distrito Naval, Vice-Almirante Arthur Fernando Bettega Corrêa; o Diretor de Portos e Costas, Vice-Almirante Alexandre Cursino de Oliveira; e o Diretor da Procuradoria Especial da Marinha, Vice-Almirante Domingos Savio Almeida Nogueira. A Dra. Ingrid Zanella fez o discurso por videoconferência, representando os advogados que labutam na Corte do Mar. O número de convidados foi restrito em virtude das medidas preventivas de segurança diante da pandemia causada pela Covid-19.

blank
Assinatura do Termo de Posse pelo Juiz Capitão de Fraga (EN-RM1) Júlio César Silva Neves

A sessão extraordinária foi repleta de homenagens em reconhecimento aos excelentes serviços prestados pelo Juiz Padilha. Já o Juiz Julio, com sua larga experiência na área naval e no meio civil, em seu currículo acadêmico e profissional, destaca-se Doutor em engenharia de produção pela UFRJ, com mestrado em Transporte Marítimo pela mesma Universidade, além de ser mestre pelo Instituto Militar de Engenharia, o IME, onde atuou como professor nos cursos de graduação e de mestrado. Seu vasto currículo vem somar profissionalismo e técnica à singular Corte do Mar.

Fonte: Marinha do Brasil

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

Receba nossas notícias em tempo real através dos aplicativos de mensagem abaixo:

blank
WHATSAPP: As regras de privacidade dos grupos são definidas pelo WhatsApp. Ao entrar, seu número pode ser visto por outros integrantes do grupo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui