Google News

A Base de Hidrografia da Marinha em Niterói, em parceria com a empresa Ambiopar Comércio de Equipamentos e Engenharia, teve seu projeto de eficiência energética aprovado, em primeiro lugar, na Chamada Pública de Projetos – CPP 001/2020 da Enel Distribuição Rio de Janeiro, concessionária do serviço público de energia elétrica. O resultado foi divulgado no dia 30 de abril.

A iniciativa contempla o retrofit dos sistemas de climatização e de iluminação de parte do Complexo Naval da Ponta da Armação, onde se localizam a Diretoria de Hidrografia e Navegação e as cinco organizações militares a ela subordinadas, em Niterói (RJ). Com a execução do projeto, orçado em R$ 800 mil e integralmente custeado pela Enel, estima-se uma redução de até 20% no consumo de energia elétrica.

De acordo com a Lei nº 9.991, de 24 de julho de 2000, as empresas de serviços públicos de distribuição de energia elétrica são obrigadas a aplicar, anualmente, o valor equivalente a 0,5% de sua receita líquida operacional no desenvolvimento de programas para o incremento da eficiência energética no uso final de energia elétrica, por meio de projetos executados em instalações de consumidores.

A participação em Chamadas Públicas está prevista no Programa Energia Naval, no pilar Eficiência Energética, como o conjunto de medidas que reduzem a quantidade de energia utilizada, atuando diretamente sobre o consumo final dos serviços como iluminação, condicionamento ambiental e outros.

Participe do nosso grupo e receba as principais notícias do Defesa em Foco na palma da sua mão.

blank

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.



Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui