A Escola Superior de Guerra (ESG) realizou, no dia 21/11, a solenidade de encerramento do Programa de Extensão Cultural da ESG (PECESG). Esta foi a primeira edição do programa, reformulado a partir de outra iniciativa de integração para atender um público mais amplo.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

A turma “Amazônia Verde” escolheu Duque de Caxias como patrono. Em seu discurso, a oradora Catharina Oliveira da Cruz Gomes Saavedra revisitou a trajetória percorrida pelos estagiários e ressaltou a importância de todos os aprendizados acumulados: “Agora, cada um de nós verá um novo mundo se descortinar à sua frente”.

A cerimônia contou com a presença do Comandante da ESG, General de Exército Décio Luís Schons, que, durante o encerramento, destacou a oportunidade que o PECESG representa para os civis entenderem melhor a vida na caserna e os militares estarem mais em contato com representantes da sociedade local. “As Forças Armadas são parte indissolúvel da comunidade brasileira”, afirmou, salientando a importância dessa integração. O Comandante anunciou também a criação do programa Alumni ESG, que reunirá ex-estagiários dos diversos cursos e programas da Escola. Junto da estagiária Elizabeth Zuccheti Schons, o Comandante descerrou a placa comemorativa da turma “Amazônia Verde”.

Os 248 estagiários que participaram do programa tiveram a oportunidade de ampliar e aprofundar seus conhecimentos sobre diferentes temas da atualidade – como ética, política internacional, segurança pública e economia – e se engajar em atividades culturais ao longo dos cinco meses de programação. Com o sucesso conquistado, a iniciativa já prevê uma segunda edição em 2019.

Prestigiaram o evento, o General de Divisão Richard Fernandez Nunes, Secretário de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro, o subcomandante Vice-Almirante Carlos Frederico Carneiro Primo, o Assistente da Aeronáutica na ESG, Brigadeiro Engenheiro Ronaldo Yuan, o Assistente Militar do Exército na ESG, General de Brigada José Ricardo Vendramin Nunes, e demais oficiais generais convidados.

2f043948-9613-4b32-967b-8180b3fd992e94d9f13f-17b5-416b-bff7-e6101b21dcde2d03a71b-438b-43d3-a60b-0489288ab7a3755b8465-e555-4a56-aa95-ad9d51e5e8852019cf70-2b83-495c-9d48-390d8754c5d242926722-0aba-4ecf-87da-4cd9749d116c

Fonte: ESG

Marcelo Barros
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Universidade Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).