blank
Integrantes da Marinha do Brasil, Guarda Portuária, Polícia Militar Ambiental e Receita Federal se preparam para Operação “Ágata” na Costa Verde (RJ)

A Delegacia da Capitania dos Portos em Itacuruçá (DelItacuruça) participou, no dia 29 de junho, de mais uma etapa da Operação “Ágata 2022”, com a Guarda Portuária da Companhia Docas do Rio de Janeiro, agentes da Polícia Militar Ambiental e da Receita Federal, na área marítima entre os municípios de Itaguaí e Mangaratiba (RJ).

A operação contou com a participação de 38 pessoas, entre agentes e militares. Para a ação conjunta, foram empregadas três embarcações de casco semirrígido (ECSR) e uma moto aquática, com equipes de inspeção naval da DelItacuruça.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Durante a Operação, 47 embarcações foram abordadas e inspecionadas e uma embarcação foi notificada por excesso de velocidade no canal de Itacuruçá; enquanto, por terra, 74 caminhões de carga foram abordados e 60 contêineres foram inspecionados. O tripulante de uma embarcação que realizava atividade de pesca ilegal em área de exclusão foi conduzido pela Polícia Ambiental à Delegacia de Polícia Civil por ter cometido crime ambiental.

As equipes da DelItacuruça inspecionaram embarcações na área marítima da região, com ações de orientação sobre o uso de equipamentos de segurança, de modo a incrementar a mentalidade marítima dos navegantes que trafegavam na área, além de contribuir para a salvaguarda da vida humana no mar, segurança da navegação e prevenção à poluição hídrica proveniente de embarcações.