O Rebocador-Museu “Laurindo Pitta” comemora 110 anos de sua chegada ao Brasil

Rebocador-Museu “Laurindo Pitta”

Google News

Manter a história viva é um desafio para todos que tentam resguardar a vivência de um povo! Hoje, o Rebocador-Museu “Laurindo Pitta” comemorou 110 anos de sua chegada ao Brasil, comemorado no dia 29/10/2020. Sua importância para a história é registrada na Primeira Guerra Mundial, nos dando orgulho de sua participação.

Construído na Inglaterra, em 1910, por encomenda do Governo brasileiro, o Laurindo Pitta participou, em 1918, da Primeira Guerra Mundial, em tarefas de apoio. Único remanescente da Divisão Naval em Operações de Guerra (DNOG), este rebocador de alto-mar possui 39m de comprimento, 8m de boca, desloca 514t e tem velocidade máxima de 11 nós (cerca de 20 km/h). Prestou serviço de rebocador ao Arsenal da Marinha do Rio de Janeiro e à Base Naval do Rio de Janeiro até a década de 90.

Em 1997, a Marinha o restaurou, colocando assentos para 90 passageiros, e adaptando um compartimento onde apresenta a exposição permanente A Participação da Marinha na Primeira Guerra Mundial. Desde então, vem sendo empregado na realização do Passeio Marítimo pela Baía de Guanabara.

O que acha de navegar nele? Faça um passeio pela história do nosso país embarcado no Rebocador-Museu “Laurindo Pitta”. As visitas pelo Espaço Cultural da Marinha estão liberadas e você não pode perder a oportunidade de viver esta experiência.

Acesse o site para mais informações e programe o seu passeio: https://www.marinha.mil.br/dphdm/espaco-cultural-da-marinha



Receba nossas notícias em tempo real através dos aplicativos de mensagem abaixo:

Assine nossa Newsletter


Receba todo final de tarde as últimas notícias do Defesa em Foco em seu e-mail, é de graça!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui