Entre os dias 29 de abril e 3 de maio, o Navio Hidrográfico Balizador (NHiB) “Tenente Boanerges”, subordinado ao Serviço de Sinalização Náutica do Leste, realizou a comissão “SINÁUTICA VIII” com foco na manutenção de estruturas essenciais para a segurança náutica na Baía de Todos-os-Santos. Esta operação é fundamental para assegurar a segurança e eficiência da navegação nas áreas costeiras, especialmente em uma região tão transitada quanto esta.

Detalhes da Operação

Durante a missão, foram realizadas inspeções, manutenções e pinturas nos faroletes “Mar Grande” e “Cabeça de Negro”. Essas estruturas são cruciais para a orientação noturna e diurna dos navegadores, marcando rotas seguras e alertando sobre perigos potenciais. Além disso, as boias do Canal de Itaparica passaram por inspeções diurnas e noturnas, garantindo sua operacionalidade e confiabilidade.

Treinamento e Adestramento

blank
Exercício de Controle de Avarias

A comissão também serviu como uma oportunidade valiosa para o treinamento dos militares a bordo. Foram conduzidos exercícios operativos enfatizando o controle de avarias e procedimentos de “Homem ao Mar”. Essas atividades são essenciais para manter a prontidão e a capacidade da equipe de responder prontamente a qualquer emergência, preservando a segurança da tripulação e a integridade do navio.

Impacto na Segurança Marítima

O sucesso da comissão “SINÁUTICA VIII” reflete o compromisso contínuo da Marinha do Brasil com a manutenção da segurança marítima. A atenção regular às sinalizações náuticas e às estruturas de apoio não só ajuda a prevenir acidentes mas também assegura que o tráfego marítimo possa fluir sem interrupções, o que é vital para a economia local e para a segurança de todos que navegam por essas águas.

Marcelo Barros, com informações da Marinha do Brasil
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).