No dia 30 de junho, no auditório da Escola de Engenheiros Militares (ESING), os oficiais brasileiros que integram o Grupo de Assessores Técnicos Interamericanos na Colômbia (GATI-CO), Major de Engenharia do Exército Brasileiro Cláudio Santos Bispo e Capitão-Tenente da Marinha do Brasil Gustavo Lopes da Silva Freitas, realizaram a cerimônia de certificação dos novos monitores nacionais de desminagem humanitária.

Nos siga no Instagram, Telegram ou no Whatsapp e fique atualizado com as últimas notícias de nossas forças armadas e indústria da defesa.

Os assessores interamericanos do Brasil capacitaram quatro militares do Exército Nacional da Colômbia, após sete semanas de instruções e avaliações teóricas e práticas, de acordo com as exigências estabelecidas pela Organização dos Estados Americanos (OEA). Os novos monitores nacionais poderão fiscalizar, assessorar e garantir o controle de qualidade em todas as etapas de uma operação de desminagem a ser executada para a remoção de minas e artefatos explosivos ainda existentes em alguns municípios do país.

A solenidade, que respeitou os protocolos de prevenção à covid-19, contou com a presença do diretor da escola, de autoridades militares do Comando Geral das forças militares e dos alunos.

A engenharia brasileira tem realizado assessoramento em temas relacionados à desminagem humanitária e contribuído para a ampliação da capacidade operativa. O objetivo é ajudar a tornar livre de minas e explosivos a parte do território colombiano que ainda sofre com os efeitos desse flagelo.

Fonte: GATI-CO
Marcelo Barros, com informações do Exército Brasileiro
Jornalista (MTB 38082/RJ). Graduado em Sistemas de Informação pela Estácio de Sá (2009). Pós-graduado em Assessoria de Comunicação (UNIALPHAVILLE), MBA em Jornalismo Digital (UNIALPHAVILLE), Administração de Banco de Dados (UNESA), pós-graduado em Gestão da Tecnologia da Informação e Comunicação (UCAM) e MBA em Gestão de Projetos e Processos (UCAM). Atualmente é o vice-presidente do Instituto de Defesa Cibernética (www.idciber.org), editor-chefe do Defesa em Foco (www.defesaemfoco.com.br), revista eletrônica especializado em Defesa e Segurança, co-fundador do portal DCiber.org (www.dciber.org), especializado em Defesa Cibernética. Participo também como pesquisador voluntário no Laboratório de Simulações e Cenários (LSC) da Escola de Guerra Naval (EGN) nos subgrupos de Cibersegurança, Internet das Coisas e Inteligência Artificial. Especializações em Inteligência e Contrainteligência na ABEIC, Ciclo de Estudos Estratégicos de Defesa na ESG, Curso Avançado em Jogos de Guerra, Curso de Extensão em Defesa Nacional na ESD, entre outros. Atuo também como responsável da parte da tecnologia da informação do Projeto Radar (www.projetoradar.com.br), do Grupo Economia do Mar (www.grupoeconomiadomar.com.br) e Observatório de Políticas do Mar (www.observatoriopoliticasmar.com.br) ; e sócio da Editora Alpheratz (www.alpheratz.com.br).